Pela Sul-Americana, Atlético-GO encara o Nacional em partida que pode marcar reestreia de Luis Suárez

Nesta terça (2), o time comandado pelo técnico Jorginho encara o Nacional, fora, no jogo de ida das quartas do torneio internacional

Postado em: 02-08-2022 às 07h15
Por: Breno Modesto
Para o goleiro Ronaldo, o confronto contra os uruguaios será extremamente difícil | Foto: Alan Deyvid/Atlético-GO

Depois de uma semana de altos e baixos, onde bateu o Corinthians, pela Copa do Brasil, e foi goleado pelo Flamengo, no Campeonato Brasileiro, o Atlético Goianiense muda seu foco para a outra competição na qual ainda está na disputa. A Copa Sul-Americana. Isso porque, nesta terça-feira (2), o time comandado pelo técnico Jorginho encara o Nacional, do Uruguai, fora de casa, no jogo de ida das quartas de final do torneio internacional.

O confronto será histórico para o Dragão, que, pela primeira vez em sua história, chegou até as quartas da Sul-Americana. Além de todo o peso que esse fato já traz, o duelo ainda ganhou mais ingredientes para ficar para sempre na memória dos torcedores. Isso porque a partida pode marcar a reestreia do atacante Luis Suárez pelo Decano. Por conta de tudo isso, Ronaldo diz que será um jogo extremamente difícil para o Rubro-Negro, onde será preciso estar focado para conseguir uma boa atuação.

“Para nós, é uma decisão. (O jogo) é histórico para o Atlético Goianiense. Sabemos da grandeza e da importância desse jogo para nós. É claro que vai ser um jogo extremamente difícil, mas nós pretendemos entrar muito focados, para fazer um grande jogo e poder resolver em casa, diante da nossa torcida. Se o (Luis) Suárez jogar, vai ser uma honra”, disse Ronaldo.

Continua após a publicidade

Nacional

Do lado dos donos da casa, o grande destaque é o atacante Luis Suárez. De volta ao clube onde começou sua carreira profissional, o centroavante vive a expectativa de fazer sua reestreia com a camisa do Nacional. O jogador, que não atua desde maio, quando a temporada europeia terminou, participou do treinamento desta segunda-feira (1) e deve ser relacionado pelo técnico Pablo Repetto. No entanto, devido ao longo período de inatividade, terá uma participação pequena no duelo desta terça (2).

Além disso, Repetto não terá nenhum desfalque para enfrentar o Atlético Goianiense. Ausência na partida contra o Maldonado, pelo campeonato uruguaio, no último sábado (30), por conta de suspensão, o volante Yonathan Rodríguez volta a ficar à disposição da comissão técnica e deve ser titular contra o Rubro-Negro.

Histórico

O confronto desta terça-feira (2) será o segundo da história entre Nacional e Atlético Goianiense. No entanto, será o primeiro por uma competição oficial. Em 1975, o time uruguaio foi convidado para disputar um campeonato amistoso em Goiânia.

Além dos dois clubes, participaram também do Torneio Internacional Osmar Cabral o Goiás e o CEUB, do Distrito Federal, que acabou ficando com a taça em uma final contra o Dragão, que foi decidida nos pênaltis.

No confronto entre o Rubro-Negro e o Decano, vitória goiana por 1 a 0, no Serra Dourada, em partida disputada no dia 23 de março daquele ano. Todas as informações são do site “Futebol de Goyaz”. No entanto, não há registros sobre o autor do gol daquela tarde.

Ficha técnica
Nacional x Atlético-GO

Data: 2 de agosto de 2022
Horário: 19h15
Local: Estádio Gran Parque Central, em Montevidéu (URU)

Árbitro: Eber Aquino (PAR)
Assistentes: Eduardo Cardozo (PAR) e José Cuevas (PAR)
VAR: Carlos Benitez (PAR)

Nacional: Sergio Rochet; Leandro Lozano, Léo Coelho, Nicolás Marichal e Camilo Cándido; Alfonso Trezza, Yonathan Rodríguez, Felipe Carballo e Diego Zabala; Emmanuel Gigliotti e Franco Fagúndez.
Técnico: Pablo Repetto

Atlético-GO: Ronaldo; Hayner, Wanderson, Klaus e Arthur Henrique; Gabriel Baralhas, Édson Fernando e Jorginho; Léo Pereira, Churín e Luiz Fernando.
Técnico: Jorginho

Veja Também