“Foco total”, diz Alex Silva sobre jogo contra o Londrina

O lateral-direito também falou sobre a cobrança de Allan Aal para que a equipe entre em campo com mais concentração

Postado em: 11-08-2022 às 21h00
Por: Maiara Dal Bosco
Lateral-direito destaca que Vila Nova tem feito boas partidas, mas que precisa da vitória | Fernando Brito/Vila Nova FC

Após o Guarani empatar com o Criciúma, em partida que encerrou a 23ª rodada, o Vila Nova voltou para a lanterna da Série B. Em coletiva de imprensa nesta quinta-feira (11), o lateral-direito Alex Silva destacou que o Tigre tem feito boas partidas, e uma boa sequência, ressaltando o fato de que o Vila não perde há cinco jogos, sendo quatro empates e uma vitória.

“Agora já deu uma embolada a mais [na tabela]. A gente esteve em uma situação pior, ainda estamos em uma colocação em que não queríamos estar, mas temos feito bons jogos. São cinco jogos sem perder, mas dentro deles, quatro empates e uma vitória. Nesse último jogo [contra o Tombense], acho que fomos mais infelizes do que tudo, porque tivemos gol perdido cara a cara, três bolas na trave e um gol anulado”, pontuou Silva.

O lateral-direito também falou sobre a cobrança de Allan Aal para que a equipe entre em campo com mais concentração. “Temos que entrar muito concentrados. Esse é um ponto que o professor pediu, e cobrou da gente do jogo do Ituano, que foi um primeiro tempo meio abaixo do que a gente tem entrado, então entraremos com foco total para tentar fazer o primeiro gol e, se possível, depois tentar fazer mais”, ressaltou o atleta.

Continua após a publicidade

Segundo ele, o mais importante mesmo com relação ao jogo diante do Londrina, nesta sexta-feira (12), é sair com os três pontos. “Vamos entrar diferente do que entramos contra o Ituano, vamos entrar 100% para buscar o nosso objetivo, que são os três pontos”, frisou Silva.

Sobre a disputa na lateral-direita com Railan, Alex Silva afirmou que a concorrência sempre vai ser boa, e que o bom é que Allan Aal terá duas opções as quais poderá contar. “Quando você tem dois atletas da posição ali brigando, é claro que ele está doido para jogar, e eu também estou doido pra continuar [jogando], principalmente para tirar o Vila dessa situação, mas vai ser uma decisão do treinador. O bom é que o técnico vai ter sempre duas opções para contar a qualquer momento, uma briga sadia”, completou.

Veja Também