Vitor Roque decide quartas de final da Libertadores

Vitor Roque de 17 anos de idade colocou o Athletico nas semifinais da Libertadores após 17 anos.

Postado em: 12-08-2022 às 14h50
Por: Lorenzo Barreto
Vitor Roque de 17 anos de idade colocou o Athletico nas semifinais da Libertadores após 17 anos. Foto: Marcelo Endelli

Um menino de 17 anos de idade colocou o Athletico nas semifinais da Libertadores após 17 anos. O atacante Vitor Roque, contratado por R$ 24 milhões no início da temporada após ser vendido pelo Cruzeiro, garantiu a vitória sobre o Estudiantes nos acréscimos de um jogo tenso e cheio de polêmicas. Nunca um time havia ganhado da equipe argentina em fase de mata-mata pela Libertadores, no Estádio Uno, em La Plata, o clube argentino tinha 22 vitórias, dois empates e zero derrotas em casa.

O único gol em 180 minutos de confronto veio aos 96 minutos do segundo tempo, após jogada de Terans e Vitinho, que acabou em um toque de ombro do jovem nascido em 2005 do Furacão para vencer o goleiro Andújar. Lance de quem tem estrela e que, ao mesmo tempo, premiou um bom segundo tempo da equipe do técnico Luiz Felipe Scolari, responsável por mudar os rumos do time em 2022.

Ficha técnica da partida

Continua após a publicidade

Libertadores 2022
Quartas de final – jogo de volta

Estudiantes 0x1 Athletico

Estudiantes: Andújar; Godoy (Boselli), Rogel, Morel, Lollo e Más; Castro, Zuqui, Jorge Rodríguez (Paz) e Manuel Castro; Piatti (Rollheiser) e Leandro Díaz (Mendez).
Técnico: Ricardo Zielinski.

Athletico: Bento; Khellven, Thiago Heleno, Pedro Henrique e Abner; Hugo Moura, Fernandinho (Erick) e Alex Santana (Terans); Canobbio (Vitor Roque), Cuello (Vitinho) e Pablo (Rômulo).
Técnico: Felipão.

Local: Estádio Jorge Luis Hirsche (La Plata-ARG).
Data: 11/08/2022.
Gol: Vitor Roque, a 51′ do 2°.
Cartões amarelos: Dias, Zuqui, Andujar, Godoy, Castro (E); Pedro Henrique, Pablo, Canobbio (A).
Árbitro: Andres Matonte (URU).
Assistentes: Nicolas Taran (URU) e Martin Soppi (ARG).
VAR: Andres Cunha (URU


Veja Também