Atlético Goianiense não segura vantagem, é goleado pelo Corinthians e cai na Copa do Brasil

Na Neo Química Arena, o Rubro-Negro foi goleado pelo Alvinegro por 4 a 1

Postado em: 17-08-2022 às 23h45
Por: Breno Modesto
Na Neo Química Arena, o Atlético Goianiense foi goleado pelo Corinthians por 4 a 1 | Foto: Copa do Brasil

O Atlético Goianiense está eliminado da Copa do Brasil. Depois de vencer por 2 a 0 no jogo de ida, o time comandado pelo técnico Jorginho não conseguiu segurar a vantagem que tinha e acabou sendo goleado pelo Corinthians por 4 a 1, na noite desta quarta-feira (17), na Neo Química Arena. Gil e Yuri Alberto, três vezes, marcaram os gols que eliminaram o Dragão da competição nacional. O Rubro-Negro descontou com Wellington Rato.

O jogo

A partida na Neo Química Arena começou com o Corinthians partindo para cima do Atlético Goianiense. Logo aos dois minutos, os mandantes chegaram com perigo pela primeira vez. Róger Guedes recebeu na ponta esquerda, deixou a marcação atleticana para trás e arriscou chute, que Renan espalmou e mandou para escanteio.

Continua após a publicidade

A blitz corintiana seguiu e, três minutos depois, foi a vez de Yuri Alberto, aquele que seria o personagem principal do duelo, incomodar o arqueiro rubro-negro. Depois de receber de Adson, o camisa 9 conseguiu encontrar espaço entre a marcação do Dragão e finalizou para o gol. Bem posicionado, Renan fez a defesa e evitou que o placar fosse aberto.

Depois das ações ofensivas nos primeiros minutos, o confronto “esfriou” e só voltou a esquentar no finalzinho do primeiro tempo, quando Róger Guedes, de fora da área, acertou a trave de Renan, aos 35 minutos. Seis minutos depois, Renato Augusto, com um cruzamento na área atleticana, colocaria na cabeça de Gil, que mandaria para o fundo das redes, abrindo o marcador.

O Rubro-Negro foi para o intervalo sem ter conseguido chutar ao gol. E voltou da mesma maneira. O time paulista foi para cima novamente e, com quatro minutos do segundo tempo, acabou com a vantagem do Atlético. Em contra-ataque rápido, Róger Guedes recebeu no meio e percebeu Yuri Alberto passando pela esquerda. O camisa 9 foi acionado, entrou na área e chutou por baixo das pernas de Renan, ampliando o placar.

O domínio corintiano era tão grande que, seis minutos após o segundo, Yuri Alberto foi às redes novamente. Na marca de 10 minutos, Renato Augusto cobrou falta pela direita e o camisa 9 subiu mais alto que a defesa do Dragão para marcar o terceiro tento alvinegro.

Yuri Alberto também seria o dono do quarto gol da noite. Depois de um lançamento de Gil, do campo de defesa, Renato Augusto desviou de cabeça e deixou o atacante livre, na ponta. Ele invadiu a grande área e mandou um chute cruzado, que foi no ângulo de Renan, que não teve chances de fazer a defesa.

No fim, o Atlético ainda diminuiria com Wellington Rato, após jogada ensaiada em cobrança de falta. Mas o gol de honra do Rubro-Negro não foi o suficiente para repetir o feito de 2010 e chegar novamente à semifinal da Copa do Brasil. Com a classificação, o Corinthians enfrentará o Fluminense, que eliminou o Fortaleza.

Ficha técnica
Corinthians 4×1 Atlético-GO

Data: 17 de agosto de 2022
Horário: 21h30
Local: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)

Gols: Gil (41’/1T) e Yuri Alberto (4’/2T, 10’/2T e 26’/2T) – COR; Wellington Rato (41’/2T) – ACG

Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (Fifa/RJ)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (Fifa/MG) e Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa (Fifa/RJ)
VAR: Rafael Traci (SC)

Corinthians: Cássio; Fagner, Balbuena, Gil e Fábio Santos; Du Queiroz (Giuliano), Fausto Vera e Renato Augusto (Cantillo); Adson (Gustavo Mosquito), Yuri Alberto e Róger Guedes.
Técnico: Vítor Pereira

Atlético-GO: Renan; Dudu (Hayner), Wanderson, Lucas Gazal e Jefferson (Arthur Henrique); Gabriel Baralhas (Peglow), Marlon Freitas e Jorginho (Airton); Wellington Rato, Luiz Fernando e Léo Pereira (Ricardinho).
Técnico: Jorginho

Veja Também