Duelos movimentados: Brasil feminino arrasa Tailândia, enquanto masculino sofre derrota apertada para os EUA

Na tarde desta quinta-feira (20), as seleções brasileiras de vôlei protagonizaram uma jornada decisiva na Liga das Nações. Na competição feminina, pelas

Postado em: 20-06-2024 às 21h35
Por: Larissy Summer Santos
Imagem Ilustrando a Notícia: Duelos movimentados: Brasil feminino arrasa Tailândia, enquanto masculino sofre derrota apertada para os EUA
Seleção masculina de vôlei adia classificação para a segunda fase da Liga das Nações. (Foto: Fivb/ Volleyball World)

Na tarde desta quinta-feira (20), as seleções brasileiras de vôlei protagonizaram uma jornada decisiva na Liga das Nações. Na competição feminina, pelas quartas de final, o Brasil não encontrou dificuldades para superar a Tailândia por 3 sets a 0, com parciais de 25 a 21, 25 a 20 e 25 a 23, assegurando assim uma vaga nas semifinais. Enquanto isso, na terceira semana da fase de grupos masculina, a equipe comandada por Bernardinho enfrentou os Estados Unidos em uma partida acirrada que culminou em derrota por 3 sets a 2 (21 a 25, 25 a 18, 21 a 25, 25 a 22 e 9 a 15), mantendo-se na quarta posição com 20 pontos.

Feminino

A seleção feminina, sob a orientação de Zé Roberto, demonstrou superioridade desde o início contra as anfitriãs tailandesas. Após um primeiro set equilibrado, o Brasil deslanchou na segunda metade com importantes aces de Rosamaria e Ana Cristina, fechando em 25 a 21. O segundo set seguiu a mesma dinâmica, com Gabi se destacando e ajudando sua equipe a vencer por 25 a 18. No terceiro set, apesar da resistência das tailandesas, o Brasil, liderado pela central Carol e apoiado pela torcida local, garantiu a vitória por 25 a 23. Nas semifinais, o Brasil enfrentará o Japão, que eliminou a China por 3 sets a 0.

Continua após a publicidade

Masculino

 Em um confronto emocionante, a seleção masculina enfrentou os Estados Unidos em um jogo que foi decidido no tie break. O Brasil iniciou com dificuldades no saque e falhas no bloqueio, permitindo aos americanos abrir vantagem e vencer o primeiro set por 25 a 21. No segundo set, uma mudança de estratégia sob o comando de Bernardinho resultou em uma vitória tranquila por 25 a 18. No entanto, os Estados Unidos se recuperaram no set seguinte, fechando o terceiro e quarto sets por 25 a 21.

No quarto set, os Estados Unidos, visivelmente cansados fisicamente, após um jogo anterior disputado contra o Irã, deram brechas para que a seleção brasileira aproveitasse. Apesar disso, o Brasil enfrentou desafios para ampliar sua vantagem, mas encerrou  o set com um placar de 25 a 22. 

No tie break, os americanos aproveitaram a instabilidade na recepção brasileira para fechar em 15 a 9. O Brasil terá a oportunidade de se recuperar contra o Canadá nesta sexta-feira (21), às 4h (horário de Brasília).

Veja Também