Os sabores de cada região do país nas comemorações de São João

Com diversas particularidades de cada região, a celebração de festas juninas pode ser feita com quitutes caseiros

Postado em: 25-06-2021 às 08h18
Por: Redação
Com diversas particularidades de cada região, a celebração de festas juninas pode ser feita com quitutes caseiros | Foto: Reprodução

As tradicionais festas juninas, tão esperadas por boa parte dos brasileiros, terão de ser adaptadas novamente este ano. Para manter a tradição com opções deliciosas de pratos típicos da época, o jeito é se esbaldar em casa. Bolo de milho, canjica, curau, maçã do amor, vinho quente, quentão e arroz doce são alguns dos exemplos de quitutes dessa época do ano.

A origem histórica das tradições juninas é a Europa, quando os agricultores realizavam festas para comemorar as colheitas. Em Portugal, a tradição é celebrar a colheita do trigo, que acontece no verão europeu, entre os meses de junho e setembro. Com a colonização do Brasil, o costume foi introduzido aos poucos por aqui.

No entanto, o Brasil não era um grande produtor de trigo na época, por isso, as festas começaram a ser celebradas com outro grão, o milho. Atualmente, o item serve de base para quase todos os alimentos consumidos nas festas juninas. Além do milho cozido em si, outras comidas derivadas desse grão, como canjica, pipoca, curau e o bolo de milho ou fubá, são servidas durante os festejos.

Continua após a publicidade

Há pratos feitos de milho que variam conforme a região, como a pamonha, mais comum nos estados de Goiás e Minas Gerais, e a polenta, tradicional entre os gaúchos. Já os nordestinos costumam usar o milho para fazer cuscuz, que pode ser consumido com carne-seca ou ovo cozido. A seguir, você confere as melhores comidas de São João de cada região do Brasil:

Centro – Oeste

A pamonha pode ser famosa de Norte a Sul do Brasil, mas é simplesmente indispensável na vida de quem nasce no interior goiano. Feita de milho verde, queijo minas e enrolada em folha de bananeira. Pode ser salgada ou doce. Indispensável nas festas juninas, o arroz doce é feito de arroz, leite, canela, canela e raspas de limão. Outros pratos típicos da região são o doce de leite e os sorvetes do cerrado.

Norte

De origem indígena, a maniçoba é a feijoada paraense, feita com folhas moídas de mandioca e carnes típicas da feijoada tradicional. Também muito comum no Nordeste, o vatapá do Norte é um prato cremoso feito com camarão, tomate, leite de coco, pimentão, pão molhado e ervas. Para os nativos do norte, o bolo de macaxeira também se destaca nesta época do ano. Outras receitas da região na festa junina são: broa de mandioca, cuscuz e mingau de milho.

Nordeste

No Nordeste, as festas juninas são levadas muito a sério e estão entre as mais tradicionais do mundo. E em âmbito culinário não é diferente. A tradição ganha força com o Baião de dois, prato tipicamente nordestino, com arroz, linguiça, queijo coalho e feijão. Feito a partir da mistura de amendoim torrado com rapadura, o pé de moleque típico do Nordeste é um dos doces mais consumidos durante o período de festa junina. Outros alimentos típicos da região na festa junina são receitas com milho verde, como curau, milho cozido, bolo de milho e a canjica nordestina.

Sudeste

Diferentemente do cuscuz nordestino, que leva poucos ingredientes, o cuscuz paulista pode conter ervilha, milho, sardinha, ovos, e muito mais. Pratos típicos de outras regiões também se fazem presentes, como o delicioso feijão tropeiro leva farinha de mandioca, carne, ovo, torresmo e o feijão. Outros pratos da região na festa junina: cachorro quente, pizza, pastéis, bolinho caipira e espetinhos de churrasco.

Sul

No Sul do Brasil, as festas juninas também têm as suas particularidades. Diferentemente do quentão popular na Região Sudeste, que é feito com cachaça, no Sul, é mais comum o quentão feito com vinho. Certamente, um dos pratos gaúchos mais famosos, o arroz carreteiro é feito basicamente com charque picado e arroz, acompanhado com vinagrete. Outros pratos da região na festa junina são o churrasquinho, a maçã do amor, o amendoim e bebidas quentes. (Especial para O Hoje)

RECEITA

Canjica Nordestina

Ingredientes

• 10 espigas de milho-verde debulhadas

• 2 xícaras (chá) de Leite Líquido

• 1 Leite condensado (lata ou caixinha) 395g

• 1 vidro de leite de coco (200 ml)

• canela em pó para polvilhar

Modo de preparo

Em um liquidificador, bata bem o milho-verde e o Leite. Peneire, apertando bem para extrair todo o líquido. Em uma panela, coloque o líquido peneirado, o Leite condensado e leve ao fogo, mexendo sempre, até obter um creme espesso. Adicione o leite de coco, mexa mais um pouco e retire do fogo. Em um recipiente refratário retangular (20 x 30 cm), despeje a mistura e leve para gelar. Polvilhe a canela em pó, corte em losangos e sirva a seguir.

Veja Também