Com temas complexos, produção cinematográfica aborda drama familiar vivido por LGBTQIA+

John vivido por Viggo Mortensen encara traumas quando reata relacionamento com seu pai, interpretado por Lance Henriksen

Postado em: 11-02-2022 às 10h32
Por: Lanna Oliveira
John vivido por Viggo Mortensen encara traumas quando reata relacionamento com seu pai, interpretado por Lance Henriksen | Foto: Reprodução

De um lado a visão tradicional de um homem idoso, e do outro, o conceito de uma nação moderna e diversificada em sexualidade, etnia e identidade. Isso é o que o público vai encontrar no filme ‘Falling – Ainda Há Tempo’, que chega as plataformas digitais nesta sexta-feira (11). A produção buscou abordar questões contemporâneas como diferença entre as gerações e homofobia por meio de um cenário familiar. Com um texto pesado, os personagens são inseridos em temas complexos ao longo do filme.

Conhecido por sua versatilidade como ator, que vai desde superproduções como a trilogia ‘O Senhor dos Anéis’ a independentes latinas, como o argentino ‘Jauja’, Viggo Mortensen é um dos atores mais queridos de sua geração. Agora, estreia em roteiro e direção com o drama ‘Falling – Ainda Há Tempo’, no qual também atua num dos papéis centrais. O longa chega ao streaming e pode ser assistido na Claro Now, iTunes/Apple Tv, Google Play/YouTube, Sky Play e Vivo Play, nas versões dublado de legendado.

De acordo com o crítico de cinema Bruno Carmelo, Viggo Mortensen possui boas intenções, sem dúvida. Entretanto, sustenta um discurso inocente a um tema complexo, demonstrando falta de conhecimento de psicologia e das vivências LGBTQIA+. “O criador respeita a alteridade à sua maneira, efetuando uma composição contida, de poucos maneirismos (exceto pela mão sempre no peito, ressentida e delicada). Ora, precisamos superar os dramas feitos por heterossexuais para heterossexuais, nos quais os indivíduos LGBTQIA+ são vistos com piedade. Esta postura condescendente e paternalista não beneficia em nada o grupo social que pretende valorizar”.

Continua após a publicidade

Já a Hollywood Reporter afirma em sua crítica que “O filme não transforma sua paisagem emocional numa questão simples de rejeição ou perdão. O filme sabe de mesquinhez ou afeto podem existir na mesma pessoa, e que a tolerância, mesmo quando é de mão única, beneficia tanto quem dá quanto quem recebe”. A Variety apontou que este é um filme acessível a todos os públicos, e compara o trabalho de Mortensen ao de Clint Eastwood dos últimos anos, “que é um excelente lugar para se estar, ainda mais por ser estreante na direção”.

Mas aquém às críticas, ‘Falling – Ainda Há Tempo’ foi exibido em diversos festivais e ganhou vários prêmios. Fez parte da seleção oficial de Cannes 2020, que mesmo não acontecendo, divulgou uma lista dos títulos que exibiria, e foi indicado ao Goya na categoria Melhor Filme Europeu, e ganhador do prêmio de montagem no Directors Guild of Canada, entre outros. O que mostra aprovação por parte das premiações à história com particularidades pessoais de Viggo Mortensen.

“A ideia para o filme veio quando eu atravessava o Atlântico, num avião, após o funeral da minha mãe. Eu não conseguia dormir, e minha mente só pensava em diversos da história dela e da minha família. Eu senti que precisava descrever esses episódios, por isso escrevi diversas cenas aleatórias e diálogos da minha infância. Quanto mais escrevia sobre minha mãe, mais pensava no meu pai. Mas o que eu trouxe para o filme é uma história ficcional de uma família que têm algumas coisas em comum com a minha”, diz o diretor.

Em seu longa, Mortensen interpreta John, um ex-militar que se tornou piloto comercial, e vive com seu parceiro Eric (Terry Chen), e sua filha adotiva, Mónica (Gabby Velis), na California, deixando para trás a vida rural e retrógrada da fazenda de seu pai, Willis (Lance Henriksen). Um homem com uma mentalidade ultrapassada, e que também começa a enfrentar os primeiros estágios de demência, e que rompeu relações com o filho. Este, com o intuito de cuidar do pai com ajuda da irmã (Laura Linney), o traz para sua casa até que encontrem um lugar melhor para instalar o homem.

Veja Também