Nova geração de escritores: Terceiro volume da Coleção e/ou reúne 35 novas autoras e novos autores de Goiás

Ilustração de capa é assinada pelo artista gráfico félix perini, autor capista de todos os títulos da ‘Coleção e/ou’

Postado em: 18-03-2022 às 08h56
Por: Redação
Ilustração de capa é assinada pelo artista gráfico félix perini, autor capista de todos os títulos da ‘Coleção e/ou’ | Foto: Reprodução

Por Elysia Cardoso

Mais 35 poetas e prosadores passam a integrar a Coleção e/ou, projeto da NegaLilu Editora, dedicado à publicação de novas autoras e novos autores de Goiás. Publicadas pelo Selo Naduk, a antologia poética ‘tec tec tec tec tic tac’ e a antologia de contos e crônicas “Uma santa e dois amantes” compõem o volume 3 da coleção, com lançamento marcado para a sexta (18), entre 19h e 22 horas, na Livraria O Jardim, em Goiânia. O evento tem entrada gratuita e o uso de máscara de proteção é obrigatório.

Em ‘tec tec tec tec tic tac’, destaque para temas relacionados à sociedade sob o ponto de vista combativo de violências. Questões políticas e culturais também inspiraram os 29 autores e autoras. Dentre eles estão cinco convidados: Arthur Moura Campos, Dairan Lima, Dayse Kenia, Eliara Sandim, e Walacy Neto.

Continua após a publicidade

Dentre os temas abordados em ‘Uma santa e dois amantes’, a morte está entre os mais recorrentes. A antologia conta com 17 autores e autoras, sendo quatro convidados: Ademar de Queiroz, Alice Mariel Orth, José Fábio da Silva e Larissa Mundim. Neste volume 3, textos mais intimistas deram lugar a questões sociais, algumas narrativas também oferecem a leitoras e leitores um olhar sobre a cultura popular.

A ilustração de capa é assinada pelo artista gráfico félix perini, autor capista de todos os títulos da Coleção e/ou. O projeto gráfico é de Luana Santa Brígida. A coleção é ainda composta por ‘Os olhos do bilheteiro’ (2016), ‘As dores de Josefa’ (2016), “Sobre gostar menos” (2019) e “O olhar inaudível” (2020). A NegaLilu Editora informa que o edital para a seleção de autoras e autores do volume 4, estará aberto no segundo semestre deste ano.

Histórico

O trabalho da NegaLilu para a publicação da nova geração de escritores se iniciou em 2015. Segundo a editora-fundadora Larissa Mundim, a cada dois ou três anos, a editora abre chamada pública direcionada a escritoras e escritores nascidos ou residentes em Goiás, que sejam inéditos ou éditos recentes. A Comissão de Seleção para o volume 3 contou com a participação de Carlos Brandão, Rogério Oliveira, Larissa Mundim e Rico Lopes.

“Mais do que publicar livros, a nossa intenção é mapear a nova geração de poetas e prosadores e, a partir disso, formar rede em coletivos criativos e fomentar um programa permanente de qualificação para a escrita e para a leitura”, comenta Mundim. Nas seis antologias da Coleção e/ou, a editora reúne 105 autoras e autores, incluindo convidadas e os convidados, para formar o Coletivo e/ou.

De acordo com a editora, este coletivo vem se constituindo com um perfil cada vez mais diverso e representativo do ponto de vista de gênero, sexualidade e avança também no campo étnico-racial. “Entre o momento da seleção e o dia em que as antologias são lançadas, temos a oportunidade de exercitar a convivência e o aprendizado mútuo”, ressalta Mundim. Segundo ela, esta relação é estimulada por meio de oficinas, cursos, rodas de conversa, encontros com autores/autoras, feiras literárias e saraus, especialmente dedicadas ao Coletivo e/ou e abertas à comunidade em geral.

Veja Também