Dia Mundial do Rock mantem gênero musical e marca história de grandes integrantes

Disruptivos, a banda Barão Vermelho também fez parte da construção cultural e política do Brasil, exaltando o rock e a força da música

Postado em: 13-07-2022 às 09h29
Por: Lanna Oliveira
Disruptivos, a banda Barão Vermelho também fez parte da construção cultural e política do Brasil, exaltando o rock e a força da música | Foto: Divulgação

Seja para relembrar os clássicos, ou para comemorar o frescor do que tem surgido, o Dia Mundial do Rock, celebrado hoje, 13 de julho, tem o intuito de celebrar o gênero. O rock é um dos estilos musicais mais complexos. Com diversas variações e sonoridades, ele representa milhões de brasileiros apaixonados pelos riffs da guitarra, o peso do baixo e a potência da bateria que só o rock pode oferecer. Para comemorar a data, homenagens são feitas e o Essência separou algumas programações para você que respira música.

O Dia Mundial do Rock é comemorado em 13 de Julho porque foi o mesmo dia do Live Aid, um megaevento mundial com vários shows simultâneos que contou com a presença de grandes artistas, como B. B. King, Madonna, Paul McCartney, U2 e, é claro, Queen. A apresentação, realizada em 1985, de Freddie Mercury nesse show foi tão marcante para os fãs da banda que foi recriada na cinebiografia do grupo ‘Bohemian Rapsody’. Filme este que retrata a importância do evento para a comunidade da música.

Entretanto, o que faz com que a data se relacione com o dia do rock é o fato de que Phil Collins, em uma de suas aparições, sugeriu de maneira despretensiosa que o dia 13 de Julho fosse considerado do Dia Mundial do Rock. Levando em conta que foi o maior dos eventos globais de rock até hoje, estima-se quase tenha tido cerca de dois bilhões de espectadores e em mais de 100 países ao mesmo tempo. O que nem todo mundo sabe é que a celebração, apesar de levar ‘Mundial’ no nome, só acontece mesmo no Brasil.

Continua após a publicidade

O Dia Mundial do Rock é um dia comemorativo que visa manter o gênero musical vivo e sempre interessante. É uma forma de dar visibilidade a artistas do gênero que tiveram contribuições muito importantes e interessantes para a história do rock e do mundo. Isso porque, além de estrelas, muitos dos músicos e bandas do gênero tiveram impacto político no mundo, seja trazendo mensagens de união e anti-guerra ou através das opiniões ou carreiras das artistas por trás dos principais hits da época.

Nomes como Sister Rosetta Tharp, Elvis Presley, The Beatles, Black Sabbath, Pink Floyd, Queen, entre outros, deram significado para a comemoração. Mas não esqueçamos de quem fez o gênero ganhar força em território nacional. O Rock Nacional também tem sua história e ela é tão rica quanto a internacional, com diversos artistas, bandas e movimentos que se entrelaçam em uma cultura rica e diversa. Algumas das principais bandas e artistas do rock nacional são Raul Seixas, Rita Lee, Tim Maia, Roberto Carlos, Legião Urbana, Pitty, e muito mais.

Programação para homenagear

O Dia Mundial do Rock ganhou um especial na ‘#CulturaEmCasa’, plataforma de streaming e vídeo. A data é marcada por shows de Erasmo Carlos, Supla, Lobão, João Suplicy, Digão, Dead Fish, Gramofocas, Sapatos Bicolores, Iron Ladies, Queen Symphonic. A plataforma apresenta ainda o ‘Clássicos do Rock’, espetáculo que reuniu a Orquestra Sinfônica Municipal de Santos com músicos como Ritchie, Fernanda Abreu e Phelippe Seabra (Plebe Rude). Parte da programação foi gravada no Teatro Sérgio Cardoso, na capital paulista.

Já as plataformas ‘Disney+’ e ‘Star+’ aproveitam a data para disponibilizar produções com a tem[atica. Entre elas estão ‘Tina: A Verdadeira história de Tina Turner’, ‘Pam & Tommy’, ‘The Beatles: Get Back’, ‘Bohemian Rapsody’, ‘McCartney 3,2,1’, ‘The Boys: A História dos Sherman Brothers’, ‘Rocketman’, ‘Quase Famosos’, ‘Bios. Vidas que marcaram a sua: Titãs’ e ‘Pistol’. A TV Brasil e as Rádios MEC e Nacional também preparam uma programação especial. Durante a transmissão, os ouvintes podem conferir diversos álbuns de rock que ganharam versão sinfônica. E ainda hoje (13), no programa ‘É Tudo Brasil’ apresenta um extenso repertório de rock nacional e entrevista artistas brasileiros do gênero musical.

Veja Também