‘Palhaço Beterraba’ encerra temporada de apresentações no Jardim

O artista circense Matias Edgardo Jaunsaras articulou programa de formação com mestres em palhaçaria e comicidade com agenda de circulação

Postado em: 27-04-2018 às 06h00
Por: Sheyla Sousa
O artista circense Matias Edgardo Jaunsaras articulou programa de formação com mestres em palhaçaria e comicidade com agenda de circulação

O público frequentador dos parques de Goiânia teve a oportunidade de acompanhar desenvolvimento e montagem do espetáculo Palhaço Beterraba em Concerto, desde agosto do ano passado. Com apoio do Fundo de Arte e Cultura, o artista circense Matias Edgardo Jaunsaras articulou programa de formação com mestres em palhaçaria e comicidade com agenda de circulação. A última performance desta temporada, que é contrapartida social do projeto, será no próximo domingo (29), às 17 h, no Jardim Botânico, Setor Pedro Ludovico.

Para finalizar Palhaço Beterraba em Concerto, Matias contou com a colaboração do mestre palhaço Rodrigo Robleño (MG), o conhecido Viralata. O espetáculo, gratuito, é composto de técnicas tradicionais de circo e teatro e de intervenção musical. Segundo o palhaço aprendiz, aspectos relevantes do trabalho foram se consolidando a partir do contato do público com a performance inacabada (work in progress). “O projeto colaborou para fortalecer a arte urbana e a criação de uma cultura mais ampla de arte de rua”, comenta Matias Edgardo Jaunsaras sobre as performances.

Continua após a publicidade

Do ponto de vista da circulação, o artista argentino destaca a importância de ter se apresentado em espaços públicos de lazer descentralizados ou mesmo aqueles próximos do Centro da cidade, mas menos ocupados por artistas. Quanto às atividades formativas do projeto, Matias identifica superação de expectativas, porque os cursos e oficinas não beneficiaram somente ao Palhaço Beterraba, como estava previsto inicialmente. “A partir de parcerias firmadas com outros projetos, conseguimos estender as atividades para outros artistas circenses locais”.

Dividido em duas partes, o projeto terá agenda de performances encerrada no Jardim Botânico, e trabalhos formativos concluídos no dia 12 de maio, no Circo Basileu França. Nesta ocasião, Matias se propõe a estabelecer troca de experiências com professores e alunos da escola circense.

SERVIÇO

‘O Palhaço Beterraba em Concerto’:

Domingo (29) às 17h noJardim Botânico (Setor Pedro Ludovico)

Aula para troca de experiências:

12 de maio (sábado) no Circo Basileu França

 

Veja Também