Em depoimento a PF, Sérgio Reis diz que encontrou comandantes das Forças no Planalto

Postado em: 03-09-2021 às 16h03
Por: Luan Monteiro
Cantor negou ter conversado sobre os atos marcados para o 7 de setembro | Foto: Reprodução

O cantor Sergio Reis afirmou, em depoimento a Polícia Federal (PF), que esteve em agosto no Palácio do Planalto para um almoço a convite do presidente Jair Bolsonaro (Sem partido). No almoço, Reis diz ter se encontrado com os comandantes das Forças, mas negou ter tratado dos atos de 7 de setembro.

O cantor disse que as conversas do evento foram triviais e que se lembra apenas de ter falado com o comandante da Aeronáutica sobre aeronaves, por também ser piloto. Ele afirmou, também, não ter falado sobre uma eventual ruptura institucional no país. As assessorias das três Forças negam o encontro dos comandantes com o cantor.

Sobre o áudio gravado por Sérgio, no qual diz que os participantes dos atos vão “invadir, quebrar tudo e tirar os ministros do Supremo na marra”, ele afirmou que o áudio foi encaminhado a um amigo, que Reis acredita que compartilhou para terceiros.

Sobre o conteúdo, o cantor afirmou que foi apenas “força de expressão”.

O depoimento de Sérgio Reis a PF integra a investigação pedida pela Procuradoria-Geral da República (PGR) e comandada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes.

Compartilhe: