Estudante de medicina acusado de abusar sexualmente da prima e irmãs já é considerado foragido

Família teme que o jovem tenha fugido para os EUA ou para Portugal.

Postado em: 12-10-2021 às 17h32
Por: Almeida Mariano
Família teme que o jovem tenha fugido para os EUA ou para Portugal | Foto: Reprodução

Pedido de prisão preventiva do estudante de medicina Marcos Vitor Aguiar Dantas Pereira, de 22 anos, foi confirmado nesta segunda-feira (11/01) pela família das vítimas que acusam o jovem de abuso sexual. Ao todo, quatro crianças teriam sido abusadas por ele, entre elas, duas, uma de 3 e outra de 9 anos, são irmãs do acusado.

A Delegacia de Proteção à Criança de Teresina, no Piauí, tentou cumprir o mandado de prisão, mas não encontrou o suspeito nos possíveis endereços indicados no inquérito.

O advogado do rapaz, Eduardo Faustino, afirma que ele não está foragido e alega que apenas renunciou ao “direito ao interrogatório”. Já os familiares, temem que o estudante tente fugir para os EUA ou para Portugal.

Veja Também