É do Brasil: País fica em primeiro lugar com maior participação em vendas totais de delivery 

O Brasil ficou em primeiro lugar no ranking dos países com maior participação de delivery nas vendas totais de estabelecimentos, diante o aumento visto em 62 países.

Postado em: 11-05-2022 às 14h46
Por: Victória Vieira
O Brasil ficou em primeiro lugar no ranking dos países com maior participação de delivery nas vendas totais de estabelecimentos, diante o aumento visto em 62 países | Foto: Reprodução

Pedidos de comida feitos no Brasil por aplicativos, internet ou telefone são um terço maior do que refeições pedidas em bares e restaurantes. Isso foi o que apontou uma pesquisa feita pela Euromonitor em parceria com a Adyen e divulgada recentemente. O estudo levou em consideração dados de 62 país.

O resultado coloca o Brasil em primeiro lugar no ranking dos países com maior participação de delivery nas vendas totais de estabelecimentos.

Faturamento

Continua após a publicidade

A pesquisa mostra que bares e restaurantes faturaram R$ 377 bilhões em 2021, um ano do pontapé inicial para o pós-pandemia. Em 2019, os lucros foram de R$ 477 bilhões. Com relação ao percentual de pedidos feitos pela internet, o Brasil ocupa a 23ª posição, entre os países com o maior percentual, mostrando que alguns usuários apresentam resistência de pagamentos online, isto é, pix ou links.

A pandemia foi um grande fator para que as vendas e percentuais dos deliverys aumentassem. Mesmo após o longo período de fechamento de bares e restaurantes, agora os mesmos utilizam mais a opção delivery do que o próprio atendimento local. A maioria dos consumidores pedem comida via apps pelo menos uma vez por semana, dando resultado de 40% e a outra metade gosta de ir semanalmente aos estabelecimentos para fazer as refeições.

Veja Também