Traficantes do louvor: pastores dizem que vídeo de criminosos invadindo culto para orar faz parte de uma peça de teatro

Supostos traficantes entraram em uma igreja evangélica e pediram a um pastor orações antes de participar de um confronto contra a facção rival.

Postado em: 05-07-2022 às 16h22
Por: Victória Vieira
Supostos traficantes entraram em uma igreja evangélica e pediram a um pastor orações antes de participar de um confronto contra a facção rival | Foto: Reprodução/ Twitter

Recentemente, um vídeo gravado no dia 12 de junho acabou se tornando viral no Tik Tok e têm gerado bastante polêmica. Ao que parece, supostos traficantes entraram em uma igreja evangélica e pediram ao pastor suas bênçãos antes de participar de um confronto contra a facção rival. Porém, segundo os donos da instituição religiosa, a cena não se passava apenas de uma peça de teatro.

A igreja evangélica onde ocorreu a cena fica na zona norte do Rio de Janeiro, no Morro do Borel. Em entrevista ao site UOL, a presidente do Ministério Tempo de Avivar, Isa Cruz, contou que em comemoração ao Dia do Pastor (12/6) os fiéis da igreja resolveram encenar uma peça teatral.

“Foi uma peça de teatro referente ao Dia do Pastor, gravada no segundo domingo de junho. No final da história eles se convertem”, informou. A pastora ainda alega que apesar de não usar as redes sociais com frequência, ficou ciente da repercussão.

Continua após a publicidade

“A todo momento me mandam o vídeo. Ficamos tranquilos, porque realmente foi uma peça e acho que não foi divulgado o vídeo todo”, comenta.

De acordo com Isa e seu marido, Alan Mendes (pastor do vídeo), os dois tinham conhecimento de que iria acontecer uma peça de teatro e em nenhuma circunstância acreditaram que aquilo era real.

“Eu sabia que era uma peça da igreja, só não sabia qual o tipo de peça que eles estariam apresentando. Eles me pegaram de surpresa, mas não me assustou porque eu sabia que era uma peça e conheço cada um e a característica de cada um que entrou na igreja. Eu conheço meus obreiros”, relatou Alan.

O vídeo foi compartilhado por um influenciador digital que mora aos redores onde a igreja está localizada. As imagens mostram dois traficantes uniformizados e encapuzados com um fuzil na mão (a arma usada, na verdade, era de paintball). Ao interromper o culto que estava acontecendo no momento, eles pedem uma oração ao pastor antes de confrontarem rivais. Confira:

Isa Cruz avisa que a instituição religiosa está aberta para todos e já presenciou casos de traficantes se convertendo, largando o crime logo em seguida.

“Nós não impedimos ninguém de entrar na igreja para receber a palavra de Deus. Temos alguns convertidos que antes foram ex-prostitutas, ex-traficantes. Quando a pessoa entra na igreja, na presença de Deus, sua vida é mudada”, enfatizou.

Veja Também