Bomba de fezes é arremessada contra público presente em evento de Lula no Rio de Janeiro

Segundo os órgãos responsáveis, ninguém ficou ferido gravemente, mas uma apoiadora que estava ao lado do palco acabou tendo queimaduras leves.

Postado em: 08-07-2022 às 15h42
Por: Victória Vieira
Bomba de fezes foi arremessada contra o público que estava presente no ato político, no Centro do Rio de Janeiro | Foto: Reprodução/ G1

Na noite de quinta-feira (7/6), os apoiadores do candidato à presidência da República, Lula (PT), foram atacados novamente. Durante o evento do Partido dos Trabalhadores, no Centro do Rio de Janeiro, em Cinelândia, uma bomba de fezes foi arremessada contra o público que estava presente no ato político.

A ação ocorreu por volta das 18:50 antes de Lula e sua equipe subirem ao palco. A substância era um líquido marrom (identificada como fezes pelos militares) e estava dentro de uma garrafa PET de 2 litros. Ao ser jogada pela plateia, causou forte um forte estrondo e espalhou o mau cheiro pelo local.

Segundo os órgãos responsáveis, ninguém ficou ferido gravemente, mas uma apoiadora que estava ao lado do palco acabou tendo queimaduras leves.

Continua após a publicidade

“A bomba caiu exatamente sobre nós: eu, minha esposa e uma amiga e próximo de mais três ou quatro pessoas”, comentou Roberto. “O estopim aceso queimou o braço de minha esposa, causando além da queimadura, um susto muito grande, pois não tínhamos ideia do que se tratava. Houve correria, todos se abrigaram, e ficamos aguardando”, finalizou

O local foi isolado pelo Corpo de Bombeiros, que recolheu a bomba de fezes, logo depois. As atividades que haviam sido iniciadas tiveram que fazer um intervalo de 20 minutos, até a chegada do candidato ao palanque.

De acordo com a Polícia Militar, o suspeito André Stefano Dimitriu foi preso e direcionado a delegacia, acompanhado por três testemunhas.

Essa não é a primeira vez que atos extremistas e violentos da oposição ocorrem contra os apoiadores de Lula. No mês de junho, em Minas Gerais, um líquido duvidoso foi despejado sob o público por um drone durante o ato de pré-candidatura.

Após serem atingidos, a plateia carioca começou a gritar “Fora Bolsonaro”. Os organizadores do evento pedindo calma e paciência, reforçando a segurança das pessoas presentes no local.

Veja Também