Quinta-feira, 26 de janeiro de 2023

Enem é aplicado neste domingo, em mais de 1,7 mil municípios

O Enem será realizado em 11.175 locais de prova em 1.747 municípios

Postado em: 13-11-2022 às 08h56
Por: Ana Bárbara Quêtto
O Enem será realizado em 11.175 locais de prova em 1.747 municípios | Foto: Reprodução

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2022 começa a ser aplicado neste domingo (13/11), em todo o país nas modalidades impressa e digital. Tanto as provas quanto o tema da redação serão iguais nas duas modalidades. Ao todo, cerca de 3,4 milhões de candidatos farão o exame.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela realização das provas, publicou nesta semana os números oficiais do exame, uma das formas mais utilizadas para ingressar no ensino superior público, pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Além do sistema de obtenção de bolsas por meio do Programa Universidade para Todos (Prouni) e de participação no Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Ao todo, 3.331.566 candidatos farão o Enem impresso e 65.066, o digital. A maioria está nos estados de São Paulo (527.097), Minas Gerais (301.350) e Bahia (260.331). Já as mulheres, representam 61% dos candidatos e as pessoas negras, soma de pretos e pardos, 54,8% dos inscritos. 

Continua após a publicidade

O Enem será realizado em 11.175 locais de prova em 1.747 municípios. Serão mais de 320,5 mil pessoas envolvidas na aplicação do exame, entre coordenadores estaduais, municipais, aplicadores e supervisores.

Leia também: Estudantes não devem trocar sono para estudar para o Enem, diz especialista

O que levar?

Nesta manhã, é obrigatório levar um documento de identificação original, com foto. Entre eles serão aceitos: as carteiras de identidade e de habilitação (CNH), o passaporte e a carteira de trabalho emitida após 27 de janeiro de 1997. 

A novidade desta edição é que também serão aceitos os documentos digitais com foto do e-Título, CNH digital e RG digital, que deverão ser apresentados nos respectivos aplicativos oficiais. Fotos da tela do celular não serão aceitas.

Outro item obrigatório é a caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente. Ela é necessária para preencher o cartão de respostas no Enem impresso e para escrever a redação tanto no Enem impresso quanto no digital. A máscara de proteção facial é obrigatória, exceto nos estados ou municípios onde o uso do item em local fechado esteja liberado por decreto ou ato administrativo de igual poder regulamentar.

É recomendado ainda que os participantes levem lanche e água, já que a prova tem duração longa, e também que se leve o cartão de confirmação da inscrição, no qual está, entre outras informações, o local de prova. O cartão pode ser acessado na página do participante.

Caso necessitem comprovar que participaram do exame, os estudantes podem, também, na página do participante, imprimir a declaração de comparecimento para cada dia de prova, informando o CPF e a senha. A declaração, que deve ser apresentada ao aplicador na porta da sala em cada um dos dias., serve, por exemplo, para justificar falta ao trabalho.

Leia também: Veja programação de vacinação e testagem para feriado da Proclamação da República em Goiânia

Primeiro dia de prova

No primeiro dia do Enem, os candidatos farão, além das provas objetivas de linguagens e ciências humanas, a única prova subjetiva da avaliação, a redação. Os portões abrem às 12h e fecham às 13h. Não é permitido entrar após o fechamento dos portões. As provas começam a ser aplicadas às 13h30 e terminam às 19h. O horário é o de Brasília.

No próximo domingo (21), os participantes fazem as provas de matemática e ciências da natureza.

O exame seleciona estudantes para vagas do ensino superior públicas, pelo Sisu, para bolsas em instituições privadas, pelo Prouni, e serve de parâmetro para o Fies. Os resultados também podem ser usados para ingressar em instituições de ensino portuguesas que têm convênio com o Inep.

Veja Também