Jornalista agredida pelo ex desabafa após juíza negar busca e apreensão na casa dele

Postado em: 14-07-2021 às 10h27
Por: Victoria Lacerda
Jornalista da Record agredida pelo ex diz que ele ameaçou vazar nudes | Foto: Reprodução

A jornalista Silvye Alves, apresentadora do Cidade Alerta Goiás, da Rede Record, fez um desabafo e critica decisão judicial que negou pedido de busca e apreensão de suas fotos íntimas que estão em poder do ex-namorado, o empresário Ricardo Hilgenstieler, acusado de agredi-la. 

No vídeo divulgado em suas redes sociais, a apresentadora conta que o ex-namorado registrou momentos íntimos do casal e que chegou a ameaçar divulgá-los.

“Oi, pessoal! Eu já tinha dito aqui no meu Instagram que eu não comentaria o caso, até porque corre em segredo de justiça. Mas hoje eu estava gravando uns vídeos aqui para o Instagram e fui surpreendida por uma decisão da justiça que corta o meu coração. Eu vou falar para vocês: muitas pessoas não sabem porque eu não vou citar o nome do meu ex-companheiro, eu não vou, enfim, descumprir aquilo que a justiça me determina, porém, eu não posso admitir uma coisa dessa que aconteceu enquanto mulher…”, disse em seu vídeo.

A jornalista foi agredida na madrugada do último dia (21/06). O empresário teria invadido a casa de Silvye e a agredido com chutes e socos. Após realizar exames de corpo e delito no Instituto Médico Legal (IML), a apresentadora registrou ocorrência contra seu ex-namorado.

Em nota divulgada no instagram da Associação dos Magistrados do Estado de Goiás (Asmego), foi informado que o pedido foi negado pela juíza Renata Farias Costa Gomes de Barros Nacagami, em processo que tramita sob segredo de Justiça. Segundo a entidade, “toda decisão prolatada por juízes e desembargadores é pautada única e exclusivamente no que determinam as leis de nosso país, sem vícios ou categorizações conceituais”.

Compartilhe: