Sábado, 03 de junho de 2023

Padre preso por esconder cocaína na batina joga ácido em bispos

O ex-sacerdote causou queimaduras graves em sete bispos, dois advogados e um policial.

Postado em: 24-06-2021 às 18h49
Por: Alice Orth
O ex-sacerdote causou queimaduras graves em sete bispos, dois advogados e um policial. | Foto: Reprodução

O padre Theofylaktos Kompos, de 37 anos, foi afastado da Igreja Católica Ortodoxa após jogar ácido em dez pessoas, incluindo sete bispos. Ele já havia sido preso ao ser pego escondendo cocaína dentro de suas vestes. O caso ocorreu na Grécia, nesta quarta-feira (23/06),

A prisão ocorreu em junho de 2018, quando uma revista revelou a droga dentro de sua batina, na região de seus órgãos íntimos. Ele passou por um processo disciplinar no Monastério de Petraki e foi retirado do cargo na época. Em seu julgamento recente, ele reagiu atirando ácido nos presentes.

De acordo com a imprensa grega, três bispos estão hospitalizados e ao menos um passa por cirurgia plástica para recuperação. Dois advogados e um policial também foram atingidos e sofreram queimaduras no rosto e nas mãos. O ex-sacerdote foi encaminhado para a ala psiquiátrica de um hospital de Atenas e está sendo vigiado pela polícia.

Veja Também