Anvisa recomenda quarentena para comitiva de Bolsonaro

Recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) solicita que todos os integrantes da comitiva do presidente Jair Bolsonaro que tiveram contato

Postado em: 22-09-2021 às 10h55
Por: Almeida Mariano
Integrantes devem tomar medidas preventivas ao chegar no Brasil | Foto: Reprodução

Recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) solicita que todos os integrantes da comitiva do presidente Jair Bolsonaro que tiveram contato com o ministro da saúde, Marcelo Queiroga, adotem medidas preventivas como o de isolamento social, permanecendo em quarentena assim que voltarem ao Brasil.

 Devido  Queiroga ter sido diagnosticado com Covid-19 em exame feito nos Estados Unidos , a Anvisa remeteu um ofício, na madrugada desta quarta-feira (22/09), à Casa Civil dando orientações sanitárias que seguem as medidas protetivas no caso de pandemia. A recomendação da Anvisa também deve ser aplicada ao Bolsonaro.

As orientações da Anvisa para a Presidência da República são:

Continua após a publicidade

 – Desembarcar no Brasil de forma a expor o mínimo possível ambientes e pessoas;

–  Quarentena de 14 dias após o último dia de contato com o caso confirmado de covid-19, conforme Guia de Vigilância Epidemiológica para COVID-19 publicado pelo Ministério da Saúde;

– Cumprimento de isolamento na cidade de desembarque no Brasil, evitando novos deslocamentos até que ultrapassado o período de transmissibilidade do vírus;

– Refazer os testes de Covid-19 no Brasil.

Também foi recomendado a limpeza e desinfecção da aeronave presidencial e demais aviões que tenha sido usado na viagem a Nova York.

Veja Também