Ao menos seis pessoas morrem em tiroteio na comemoração da independência dos EUA

Polícia busca por suspeito; autoridades confirmam ao menos 16 feridos

Postado em: 04-07-2022 às 15h54
Por: Luan Monteiro
Polícia busca por suspeito; autoridades confirmam ao menos 16 feridos. | Foto: Reprodução

Ao menos seis pessoas morreram e outras 16 ficaram em um tiroteio em Highland Park, cidade em Illinois, nos Estados Unidos, durante as comemorações do 4 de julho nesta segunda-feira (4/7). Autoridades locais buscam suspeito e evidências de uma arma de fogo foram encontradas.

Segundo o sargento Christopher Covelli, da força tarefa de Lake County, o atirador parecia estar em um telhado próximo onde acontecia os desfiles da comemoração da independência dos Estados Unidos.

A polícia estadual de Illinois destacou que seus agentes estão auxiliando na operação, e um porta-voz do FBI de Chicago afirmou que enviou recursos para o local.

Continua após a publicidade

O deputado americano Brad Schneider, democrata que representa a área, também confirmou o tiroteio em um tweet. “Minha equipe de campanha e eu estávamos nos reunindo no início do desfile quando o tiroteio começou. Minha equipe e eu estamos seguros e protegidos”, disse.

Vídeo feito por uma testemunha mostra uma ambulância dando a volta na rota do desfile e um carro da polícia com sirenes ligadas, enquanto as pessoas se aglomeravam na calçada. Um outro vídeo aéreo da WLS, afiliada da CNN, mostra cadeiras abandonadas na rota do desfile em meio a uma forte presença policial.

Warren Fried, que participava do desfile com sua esposa e gêmeos de 7 anos, relatou que a polícia e ambulâncias passaram por ele, ouvindo uma série de disparos. As pessoas começaram a gritar “atirador” e “correr”, e ele e sua família fugiram em direção a um carro. “As pessoas estavam se escondendo, as crianças estavam nas ruas procurando seus pais, apenas em estado de choque”, disse.

Segundo a polícia local, o suspeito é um homem branco com idade entre 18 e 20 anos.

Vídeos compartilhados nas redes sociais mostram pessoas em desespero após ouvir disparos.

Veja vídeo:

Veja Também