Após ser esfaqueado 10 vezes, escritor Salman Rashdie apresenta melhora e é extubado

O homem foi vítima de um ataque enquanto estava realizando uma entrevista em Chautauqua, no estado de Nova York, na última sexta-feira (12/8)

Postado em: 14-08-2022 às 09h52
Por: Victória Vieira
Salman Rashdie recebe ameaças desde da década de 80 | Foto: Reprodução

Após ser esfaqueado dez vezes no pescoço, estômago, peito e olho, o escritor indiano Salman Rashdie apresentou melhora no quadro clínico e já está extubado. A informação foi divulgada pelo seu agente Andrew Wylie. O homem foi vítima de um ataque enquanto estava realizando uma entrevista em Chautauqua, no estado de Nova York, na última sexta-feira (12/8).

Segundo o representante do escritor, Rashdie está se recuperando, conseguindo mexer as mãos, mas pode perder um olho e ter problemas severos no fígado.

“Salman provavelmente perderá um olho. Os nervos de seu braço foram cortados e seu fígado foi esfaqueado e danificado”, escreveu o agente em nota ao jornal norte-americano The New York Times.

Continua após a publicidade

As autoridades identificaram o suspeito pelo crime como Hadi Matar, um homem de 24 anos residente do distrito de Fairview, em Nova Jersey (EUA). Ao que parece o ataque foi premeditado e direcionado, já que ele viajou de ônibus até Nova York e comprou ingressos para assistir a palestra que Rushdie faria.

As investigações alegam que Salman Rashdie recebe ameaças desde da década de 80, especificamente pelo livro “Os versos satânicos”. A obra literária é considerada ofensiva aos praticantes do monoteísmo. O agressor é um xiita e sentiu-se atacado diretamente pelo escritor.

Logo após o esfaqueamento, Matar foi apreendido sob custódia, respondendo por tentativa de assassinato e agressão.

Veja Também