Navio naufragado há 1200 anos é encontrado

Ainda não se tem informações sobre o que causou o naufrágio mas estudos apontam para um navio mercante.

Postado em: 23-09-2022 às 14h08
Por: Luan Monteiro
Ainda não se tem informações sobre o que causou o naufrágio mas estudos apontam para um navio mercante. | Foto: Reprodução

Um navio, naufragado há mais de 1200 anos, foi encontrado na costa de Israel. Os destroços foram descobertos por mergulhadores amadores que compartilharam a informação com autoridades.

Pesquisadores da Universidade de Haifa lideraram o estudo do sítio arqueológico. Ainda não se tem informações sobre o que causou o naufrágio mas informações apontam para um navio mercante.

“É [uma descoberta] única, primeiro por causa de seu tamanho: cerca de 20 metros de comprimento e 5 metros de altura, o maior naufrágio que já escavamos. E também por sua datação. [O navio] é datado entre os séculos VII e VIII d.C., que é quando houve a mudança entre o domínio bizantino e islâmico na área”, disse Deborah Cvikel, arqueóloga náutica da Universidade de Haifa e diretora da escavação, à Agência Reuters.

Continua após a publicidade

O Império Bizantino, em grande parte cristão, estava perdendo o controle da porção leste para o domínio árabe e islâmico na época do naufrágio, justamente nessa região que os destroços foram encontrados. Por isso, de acordo com os estudiosos, a descoberta mostra que, mesmo após a área ser conquistada pelos forasteiros, o Ocidente continuou fazendo negócios por ali.

“Se olharmos para os livros de história, eles geralmente nos dizem que nesta mudança, após o declínio do domínio bizantino nesta área e a ascensão do domínio islâmico, o comércio quase parou, não havia comércio internacional no Mediterrâneo, tínhamos principalmente navios menores navegando ao longo da costa fazendo cabotagem”, afirmou Cvikel. “Aqui temos um grande navio naufragado carregado […] com cargas de todo o Mediterrâneo.”

Veja Também