Violência marca manifestações no feriado em Paris

Ninguém ficou ferido. Grupos lançaram projéteis contra os agentes que devolveram a ofensiva com bombas de gás lacrimogênio e jatos de água

Postado em: 01-05-2018 às 15h40
Por: Guilherme Araújo
Ninguém ficou ferido. Grupos lançaram projéteis contra os agentes que devolveram a ofensiva com bombas de gás lacrimogênio e jatos de água

Um grupo de pessoas mascaradas e encapuzadas enfrentou a polícia no centro de Paris durante uma manifestação do Dia do Trabalho. Convocada pela Confederação Geral do Trabalho (CGT), as forças de ordem teriam tomado precauções e reforçado o esquema de segurança em mais de 1,5 mil militares ao lado da Praça da Bastilha até a Praça Itália.

Cerca de 1,2 mil cidadãos mascarados e encapuzados teriam sido vistos na altura da Ponte Austerlitz, mais ou menos na metade do percurso previsto, de acordo com uma postagem feita pela polícia no Twitter. 

Continua após a publicidade

Em confronto com a polícia, os grupos lançaram projéteis contra os agentes que devolveram a ofensiva com bombas de gás lacrimogênio e jatos de água.

O saldo das manifestações foi um restaurante danificado, além de uma concessionária de veículos e uma imobiliária depredados. Para se defender dos coctéis molotov lançados, contêineres de lixo também sofreram danos.  

Veja Também