José Eliton representa Marconi em reunião no DF

Para os governadores, a prioridade é a renegociação das dívidas dos estados e o alongamento dos prazos de pagamento

Postado em: 02-02-2016 às 00h00
Por: Redação
Para os governadores, a prioridade é a renegociação das dívidas dos estados e o alongamento dos prazos de pagamento

Adefinição de uma pauta comum que visa a retomada do desenvolvimento foi o tema central do segundo encontro do Fórum Permanente de Governadores, realizando ontem, na residência oficial do governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, em Águas Claras, Brasília. Eles definiram uma agenda para melhorar o ambiente econômico do país e as finanças estaduais. Uma das prioridades é a renegociação das dívidas e o alongamento dos prazos para o pagamento, a fim de que possam ser gerados recursos para investimentos.

O vice-governador José Eliton (PSDB) representou o governador Marconi Perillo (PSDB) no encontro e nas atividades que movimentaram o dia em Brasília. Após a reunião em Águas Claras, eles seguiram para Supremo Tribunal Federal (STF), onde mantiveram audiência com o presidente da instituição, ministro Ricardo Lewandowski. Na sequência, se reuniram com o presidente do Senado Federal, Renan Calheiros. Um dos assuntos tratados é a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 74/2015, que permite a utilização de 40% dos recursos de depósitos judiciais para pagamento de precatórios.

José Eliton considerou o resultado do encontro “extremamente positivo”. Segundo ele, os governadores estão empenhados em viabilizar medidas concretas para a retomada do desenvolvimento com foco em ações pontuais que viabilizem investimentos no curto prazo para gerar obras que garantam emprego e renda. “É preciso que os três poderes estejam empenhados na causa comum que é frear a continuidade da recessão e buscar todas as alternativas possíveis para que o país reverta as expectativas negativas e possa apontar um rumo proativo para reaquecer o processo produtivo”, disse ele.  

Veja Também