José Eliton entrega a famílias de Jataí 262 escrituras de residências

Governador em exercício, José Eliton diz que ser agente público é assumir compromisso de trabalho

Postado em: 14-02-2016 às 00h00
Por: Redação
Governador em exercício, José Eliton diz que ser agente público é assumir compromisso de trabalho

Moradores do setor Colmeia Park, em Jataí, sudoeste de Goiás, receberam ontem, das mãos do governador em exercício, José Eliton, a escritura das residências. A ação integra o programa Casa Legal – Sua Escritura na Mão, coordenado pela Agência Goiana de Habitação (Agehab). A previsão é de que, somente no município, 1.750 moradias sejam regularizadas em bairros como Vila Mutirão, Estrela Dalva e Mauro Bento.

Ainda na área da habitação, em janeiro desse ano, foram entregues 2 mil casas às famílias locais. O empreendimento foi construído por meio da parceria entre o governo federal (programa Minha Casa Minha Vida), Governo de Goiás e Prefeitura de Jataí. Os investimentos somam R$ 62,5 milhões. O presidente da Agehab Luiz Stival e o deputado federal Marcos Abrão também participaram da solenidade.

Os recursos federais são da ordem de R$ 57 milhões, com contrapartida do Estado, em Cheque Mais Moradia, de R$ 4,8 milhões. A participação da Prefeitura de Jataí na obra foi de R$ R$ 586 mil. Em discurso, José Eliton destacou o bom desempenho de Goiás que, mesmo em tempos de crise nacional, é exemplo de governo que se preocupa com o bem-estar social aliado ao à sustentabilidade econômica.  “Ser um agente público é assumir o compromisso de trabalhar com amor, carinho e seriedade para transformar sonhos em realidade”.

Continua após a publicidade

Para Eliton, o programa habitacional comandado pelo governador Marconi Perillo, é motivo “de muito orgulho”.  O governador em exercício lembra que Goiás se destaca em nível nacional como o estado que mais contrata em habitação de interesse social. Nos últimos quatro anos certa 150 mil famílias foram contempladas com os programas do governo estadual. As benfeitorias incluem casa própria, melhorias habitacionais, equipamentos comunitários, legalização de bairros e escritura registrada de imóveis. “É um programa de grande envergadura que realiza o sonho da casa própria”.

Segundo o presidente da Agehab, Luiz Stival, todos os municípios goianos estão sendo contemplados. O Governo de Goiás realiza o maior programa de habitação de interesse social de sua história graças a uma arrojada política de parcerias. Exemplo disso é a contrapartida do Cheque Mais Moradia, que pode chegar a até R$ 20 mil por unidade habitacional, dependendo do convênio. Esse repasse é garantido pelo Estado em todos os empreendimentos habitacionais de interesse social. “O que nós fazemos aqui hoje é realizar o sonho dessas famílias que podem dizer que estão com a posse de suas casas. É a determinação do governador Marconi Perillo”, disse José Eliton.

Novo bispo

Ainda em Jataí, o governador em exercício, José Eliton, participou da missa solene de posse do 6º bispo da Diocese de Jataí, Dom Nélio Domingos Zortea.  “É com muita satisfação que partilho a alegria dessa bela acolhida. Em nome do governo de Goiás, saúdo a chegada do novo bispo que assume o trabalho de orientar os fiéis dessa cidade de gente batalhadora”, disse.

Nascido no Rio Grande do Sul, Dom Nélio é sacerdote desde outubro de 1995. Desempenhou diversas funções na arquidiocese de Cascavel nos últimos 10 anos, entre elas a de reitor, ecônomo e vigário geral. Ao dar boas-vindas ao clérigo, José Eliton falou sobre o desafio de uma diocese com mais de meio milhão de fiéis e convidou a população a refletir sobre o tema da Campanha da Fraternidade 2016, iniciada na Quarta-Feira de Cinzas. 

Esse ano, a campanha se sustenta na passagem bíblica: “Quero ver a justiça brotar como fonte e o direito correr como riacho que não seca” (Amós 5, 24) e chama os cristãos a assumirem papel na defesa dos direitos humanos, da preservação do meio ambiente e do compromisso de fazer respeitar toda vida como expressão do amor de Deus. “É um tema moderno que está alinhado com as demandas atuais da sociedade”, concluiu José Eliton. 

Veja Também