CPI do Cachoeira foi criada para atingir Marconi, segundo Delcídio

Senador revelou em delação premiada que a CPI foi incentivada pelo ex-presidente Lula e que objetivo era a desestabilização de Marconi Perillo

Postado em: 15-03-2016 às 17h20
Por: Redação
Senador revelou em delação premiada que a CPI foi incentivada pelo ex-presidente Lula e que objetivo era a desestabilização de Marconi Perillo

Da Redação

A divulgação da íntegra do acordo de delação premiada de Delcídio do Amaral (PT) nesta terça-feira revelou trecho em que o senador afirma que a CPI do Cachoeira foi criada para “desestabilizar” o governador Marconi Perillo (PSDB).

Trecho da delação mostra também que o ex-presidente Lula motivou a criação da CPI. “Que cabe lembrar que o objetivo dessa CPI era a desestabilização do governador Marconi Perillo, em função de Carlinhos Cachoeira. Que a CPI dos Bingos foi fortemente e irresponsavelmente incentivada pelo ex-presidente Lula a despeito de todos os alertas que fiz a ele próprio”.

Ainda segundo Delcídio, a CPI dos Bingos foi encerrada pelo PT “quando o governo percebeu que as várias quebras de sigilo levariam à campanha Dilma 2010”.

Continua após a publicidade


Instalada em meados de 2012, por conta das investigações da Operação Monte Carlo, a CPI dos Bingos terminou em dezembro do mesmo ano com rejeição do relatório final e nenhum indiciamento.

Veja Também