PT pretende aumentar cadeiras na Câmara Federal

Goiás tem apenas um representante do Partido dos Trabalhadores na Câmara Federal, o deputado Rubens Otoni. Nas eleições deste ano, o PT

Postado em: 10-02-2022 às 12h32
Por: Stéfany Fonseca
Adriana Accorsi pré candidata a deputada federal | Foto: reprodução

Goiás tem apenas um representante do Partido dos Trabalhadores na Câmara Federal, o deputado Rubens Otoni. Nas eleições deste ano, o PT pretende bancar mais três nomes para a cadeira federal, o da deputada estadual Adriana Accorsi, do Edward Madureira ex-reitor da UFG e do Wolmir Amado, ex-reitor da PUC-Goiás, que inclusive já foi cotado para disputar o governo de Goiás.

Para não perder espaço no Legislativo goiano, o nome de Bia de Lima, presidente do Sintego é certo para disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa. Nos bastidores, a candidatura do vereador Mauro Rubem foi sinalizada. O petista quer voltar a casa, que ocupou por três mandatos entre 2002 a 2010.

Bia de Lima pré candidata a deputada estadual | Foto: reprodução

O PT não pretende lançar um nome ao governo do Estado. O objetivo é ampliar o número de parlamentares estaduais e federais. O partido está otimista com o nome do ex presidente Lula a frente das pesquisas presidenciais.

Veja Também