Bolsonaro diz que vai estudar indulto a Allan dos Santos

Postado em: 15-06-2022 às 09h54
Por: Francisco Costa
Blogueiro é investigado em dois inquéritos no STF (Foto: Reprodução)

Bolsonaro diz que vai propor que sua equipe estude a concessão de um indulto para o blogueiro bolsonarista Allan dos Santos, que está foragido nos Estados Unidos depois de ser condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), em outubro de 2021. À época, o ministro Alexandre de Moraes determinou a prisão preventiva do comunicador e que o Ministério da Justiça fizesse a extradição dele.

Seria o segundo indulto de Bolsonaro, caso este se confirmasse. Em 21 de abril, ele concedeu a graça a Daniel Silveira um dia após o STF condenar o deputado federal a 8 anos e 9 meses por declarações contra ministros da corte.

Em relação a Allan, na segunda-feira (13) ele disse a jornalistas que o questionaram sobre a possibilidade: “Eu vou mandar estudar. E você pode ver, a minha graça é prevista. Quando lá atrás deram indulto para um montão de gente por corrupção, ninguém falou nada.”

Ainda segundo o presidente, “no caso Daniel (…), eu não queria em sendo do Supremo receber aquelas críticas que ele fez. Agora, a pena para isso não é a prisão. Muito menos 9 anos de cadeia, começar em regime fechado, cassar mandato, inelegibilidade, multa, pelo amor de Deus…”

Bolsonaro afirmou, também, que não encontrou com Allan dos Santos nos EUA. Caso tivesse visto, contudo, o cumprimentaria, pois não o vê como criminoso.

O blogueiro é investigado no STF no âmbito do inquérito das fake news e no das milícias digitais antidemocráticas. Desde julho de 2021 ele está fora do Brasil, quando começou a ser alvo de buscas e apreensões.

Compartilhe: