Lula diz que Bolsonaro crítica urnas por saber que perderá eleição

Ex-presidente participou de ato público no interior de Pernambuco.

Postado em: 20-07-2022 às 15h20
Por: Luan Monteiro
Ex-presidente participou de ato público no interior de Pernambuco. | Foto: Reprodução

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou, em ato público realizado nesta quarta-feira (20/7) em Pernambuco, que o presidente Jair Bolsonaro (PL) ataca as urnas eletrônicas e o processo eleitoral por saber que irá perder as eleições em outubro.

“Ele já sabe que vai perder as eleições e está aí inventando mentira contra urnas. Ele foi eleito todas as vezes por urna eletrônica. Ele está querendo criar caso, está desconfiando das urnas, mas no fundo ele não quer que o povo trabalhador desse país vote”, afirmou Lula.

“Se tem uma vez que a urna eletrônica permitiu que o roubo prevalecesse foi em 2018 quando ele ganhou por conta das fake news”, continuou o pré-candidato.

Continua após a publicidade

Lula também criticou o pacote de auxílios articulado pelo atual presidente e voltou a sugerir que o eleitor “dê uma banana” a Bolsonaro na hora de votar. “Não fique se fazendo de bobo, não. Se cair o dinheiro na conta de vocês, gaste e depois dê uma banana para eles”.

Lula estava acompanhado do seu vice na chapa, Geraldo Alckmin (PSB), do governador Paulo Câmara (PSB), do pré-candidato a governador do PSB, deputado federal Danilo Cabral, e da pré-candidata a senadora, Teresa Leitão (PT).

Já Alckmin agradeceu, em seu discurso, a Garanhuns por ter dado ao Brasil o ex-presidente Lula, “estadista que não é fruto da herança política nem da fortuna pessoal, mas da luta do povo”.

O vice da chapa também citou o ex-governador Eduardo Campos, que morreu em acidente de avião em 2014. “Quero fazer uma homenagem aquele que foi meu colega como governador, o saudoso e querido Eduardo Campos que a vida levou tão jovem. Ele nos dizia para não desistir do Brasil. Política é esperança”, disse.

Veja Também