“Se o dólar cai, a tendência é cair também”, diz Bolsonaro sobre reduzir preço do Diesel

A cerca de dois meses da eleição, o presidente da República, Jair Bolsonaro (PL) disse nesta terça-feira (2) em entrevista que o preço do Diesel pode cair.

Postado em: 02-08-2022 às 15h13
Por: Lorenzo Barreto
A cerca de dois meses da eleição, o presidente da República, Jair Bolsonaro (PL) disse nesta terça-feira (2) em entrevista que o preço do Diesel pode cair. | Foto/Reprodução

A cerca de dois meses da eleição, o presidente da República, Jair Bolsonaro (PL) disse nesta terça-feira (2/8) em entrevista que o preço do Diesel pode cair. Ele também comentou que pretendo corrigir tabela de Imposto de Renda caso seja reeleito em 2023.

“O Brent ontem lá fora caiu na casá dos US$ 100. É sinalizador que pode diminuir novamente o combustível na Petrobras, quem sabe diesel. Isso não é bola de cristal. Se o dólar cai, a tendência é cair também”, disse Bolsonaro, em entrevista à Rádio Guaíba.

A Petrobras reduziu duas vezes o preço da gasolina, que já vinha sendo fortemente impactado pelos cortes de impostos aprovados pelo Congresso.

Continua após a publicidade

Apesar da fala do Presidente, o diretor de Comercialização e Logística da Petrobras, Cláudio Mastella, afirmou nessa sexta-feira (29) que não espera uma redução do Diesel até o fim do ano.

“Vemos um cenário de manutenção dos preços dos derivados parecido com os atuais, em especial no caso do diesel, que tem um impacto da aproximação do inverno no hemisfério norte”, disse o executivo em teleconferência com analistas para detalhar o balanço do segundo trimestre.

O combustível é utilizado principalmente por caminhoneiros, que integram importante parcela da base eleitoral de Bolsonaro. Ele busca se reeleger neste ano, mas está em segundo lugar nas pesquisas de intenção de voto, atrás do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Leia outras notícias em nosso site.

Veja Também