Pré-candidatos ao Senado com Eliton pela base aliada

Governador cumpriu agenda de entrega de benefícios em Luziânia ontem acompanhado por Marconi Perillo, Lúcia Vânia e Demóstenes

Postado em: 04-05-2018 às 06h00
Por: Sheyla Sousa
Governador cumpriu agenda de entrega de benefícios em Luziânia ontem acompanhado por Marconi Perillo, Lúcia Vânia e Demóstenes

Venceslau Pimentel*

Continua após a publicidade

A agenda do governador José Eliton (PSDB), ontem pela manhã em Luziânia, foi acompanhada pelos três pré-candidatos ao Sendo pela base aliada: o ex-governador Marconi Perillo (PSDB), a senadora Lúcia Vânia (PSB) e o procurador de Justiça Demóstenes Torres (PTB).

Marconi e Lúcia que, ao contrário de Torres, não haviam participado de encontros anteriores, também estiveram no evento no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, à tarde, quando Eliton se reuniu com prefeitos da região central do Estado para reafirmar que cumprirá à risca o que foi pactuado no Programa Goiás na Frente.

Como Marconi é dado como certo para uma vaga ao Senado, a segunda vem sendo disputada por Lúcia Vânia e Demóstenes, que decidiu entrar no páreo depois que passou a ser considerado elegível pela segunda turma do Supremo Tribunal Federal (STF). Ainda em 2016, a corte havia declarada a ilegalidade dos grampos telefônicos contra Torres.

Em entrevista exclusiva ao O Hoje, na semana passada, Torres – que foi cassado em 2012, por ter sido acusado de colocar o seu mandato a serviço dos interesses do contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira – defendeu como critério para a indicação à segunda vaga ao Senado a realização de uma prévia na base aliada.

Em Luziânia, José Eliton anunciou que o governo levará ao município, nos próximos meses, os programas Batalhão de Terminal, que integra o Mais Segurança, e o 3º Turno, ação do Programa Mais Saúde, já lançados em Goiânia. “Temos muitos investimentos em Segurança Pública na Região do Entorno. Recentemente, inauguramos o Batalhão da Rotam, no Jardim Ingá, que já dá resultados muito interessantes para a população, e a unidade do Comando de Operações de Divisas (COD). Esses esforços já propiciaram uma grande redução da criminalidade, mas vamos trazer para o Entorno, nos próximos meses, o Batalhão de Terminal”, disse o governador. Ele lembrou que a única unidade da Rotam fora de Goiânia fica naquele município.

Lançados nos primeiros dias da gestão do governador José Eliton, os programas têm como objetivo melhorar a qualidade de vida dos goianos. O Mais Segurança é um programa estadual cujo pacote de medidas de curto e médio prazo visa reduzir os indicadores de criminalidade e dar maior segurança à população. O Mais Saúde realiza consultas, exames e cirurgias no período noturno e aos sábados.

O governador disse que vem trabalhando com determinação e planejamento para continuar reduzindo a violência em todo o Estado. “Estamos colocando, em todos os municípios, mais efetivo, soldados que concluíram seus cursos na Academia de Polícia e, agora, estão indo para as ruas. Estamos fazendo grandes investimentos em inteligência e tecnologia, reformando toda a frota das Polícias Militar e Civil. E abrimos concurso para 110 delegados de polícia que vão atender todo o Estado, complementando o quadro já existente”, afirmou o governador.

Sobre o Mais Saúde, José Eliton disse que o Estado estenderá “muito em breve” o programa. “Estamos ajudando com recursos do Programa Goiás na Frente: R$ 1,5 milhão para a reforma do Hospital Regional de Luziânia. Também iremos, muito em breve, estender, trazendo para cá o programa Terceiro Turno, que já implantamos em Goiânia, de modo a ampliar o atendimento de cirurgias eletivas e consultas médicas para a população, no período noturno, para que a gente possa ofertar uma saúde de qualidade ao cidadão”, disse o governador. 

Luziânia recebe recursos para saneamento 

Ainda em Luziânia, o governador José Eliton e o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, assinaram parcerias para dar início a obras de saneamento básico na cidade, com recursos oriundos da Caixa, no valor de R$ 57,2 milhões. As obras de saneamento integrado e urbanização incluem rede de esgotos e de águas pluviais, além de asfaltamento, beneficiando os bairros Parques Alvorada I, II e III, e Parque JK, no município.

O governador pontuou que o anúncio de obras para Luziânia marca “um dia muito importante de consolidação de conquistas”, e que “ninguém quer dar um passo maior que as pernas, porque senão ele pode cair, aí o retrocesso é muito maior. É por isso que eu disse no meu discurso e reitero aqui que meu compromisso é com a consolidação de conquistas que transformaram o Estado de Goiás”, assinalou.

Depois de conceder entrevistas para emissoras de rádio e televisão locais, José Eliton vistoriou a reconstrução e ampliação do Hospital Municipal Alfredo Nasser, “que terá um papel fundamental na oferta de saúde de qualidade, casada com a inauguração do Hospital de Águas Lindas, a retomada de obras do Hospital em Santo Antônio do Descoberto, da inauguração da unidade de saúde de Formosa, formando todo um completo de saúde na Região do Entorno”, informou.

Para esta obra, o governo do estado já liberou, por meio do Goiás na Frente, uma primeira parcela no valor de R$ 500 mil, de um total de R$ 1,5 milhão. A segunda parcela deve ser liberada nos próximos dias. São, na verdade, duas obras distintas: uma de reconstrução da estrutura existente do hospital de 3,5 mil metros quadrados, e outra de ampliação com a construção de 2,5 mil metros quadrados de estrutura nova.  As duas têm, até agora, com R$ 6,5 milhões de recursos federais e R$ 1,5 milhão de recursos do Tesouro estadual. A contrapartida do município é de R$ 550 mil.

Ao dirigir-se aos prefeitos presentes, Alexandre Baldy reiterou a importância de os prefeitos “realizarem projetos audaciosos, como o de Luziânia, que nos deu as condições de chegarmos e investirmos, sem contratempos, dando a resposta rápida que a população precisa”. E lembrou que “para cada real investido em coleta e tratamento de esgoto são de 4 a 5 reais economizados com saúde pública”.

A obra do hospital está avançada e vai ser inaugurada em breve, dobrando a capacidade de leitos. “Nós temos ainda o Centro de Reabilitação para inaugurar, oito frentes de serviços de asfalto, seis unidades de saúde, nove escolas de Educação Infantil, e também água e esgoto que serão lançadas no Parque Alvorada e Jardim Ingá”, disse o prefeito Cristóvão Tormin.

Ele destacou também que “esse é anúncio do maior volume de obras de toda a história de Luziânia”, e agradeceu ao governador José Eliton “que tem trabalhado duro, diferente de muitos que só pensam em política, fruto do trabalho em parceria com o Governo do Estado porque, sem parceria, eu posso afirmar que não faríamos nada”.

“É, sem dúvida, motivo de comemoração, em meio à crise que o País enfrenta, anunciar obras e investimentos no Estado de Goiás, que segue um caminho diferente”, frisou a senador Lúcia Vânia.

Entre outros convênios do Governo Federal estão em curso: convênio de R$ 938,150 mil para implantação da primeira etapa do Parque Municipal; convênio de R$ 2,8 milhões para reforma da Unidade de Atenção Especializada em Saúde, outro de R$ 648,9 mil para a mesma finalidade; e convênios no valor de R$ 987,6 mil e de R$ 3,460 milhões para pavimentação de bairros. 

Governador volta a reafirmar cumprimento do Goiás na Frente 

Depois do retorno de Luziânia, o governador José Eliton se reuniu com prefeitos da Região Central de Goiás, para discutir o que chamou de agenda de desenvolvimento em conjunto com os municípios. A principal pauta do encontro foi o andamento do programa Goiás na Frente nas cidades. “Reafirmo meu compromisso de cumprir à risca o que foi pactuado com os prefeitos pelo programa Goiás na Frente”, afirmou. 

Foi o sexto encontro do governador com prefeitos no Palácio Pedro Ludovico Teixeira. Além de debater questões administrativas, ele apresentou os secretários responsáveis pelas pastas que prestam atendimento direto aos gestores municipais: João Furtado (Governo), Carlos Alberto Leréia (Articulação Política) e Eduardo Zaratz (Programa Goiás na Frente). José Eliton já recebeu gestores do Entorno do Distrito Federal, Entorno Sul e Entorno Norte; Sudoeste; Norte e Região Metropolitana de Goiânia.

“Os secretários têm a obrigação de atender a todos os prefeitos e sempre dar a eles uma resposta. Essa é uma determinação que estabeleci no dia da posse dos secretários, e reitero aqui. Por isso, quero que vocês os conheçam melhor, e sintam-se à vontade para recorrer a eles”, afirmou.

Ele afirmou ainda que receberá todos os gestores e que busca, a exemplo do ex-governador Marconi Perillo, aprofundar a relação amistosa com os prefeitos. “O ex-governador Marconi sempre teve uma relação muito sólida com os prefeitos. Quero ter essa mesma relação. Os municípios têm cada vez menos capacidade de investimentos e precisam do nosso apoio”, observou. A convite de José Eliton, Marconi também participou da reunião.

José Eliton também destacou ações recentes do governo estadual, como a criação do programa 3º Turno da Saúde, Programa Mais Segurança, e Operação Ponto Final. “Já temos tido frutos extremamente satisfatórios nesses programas”, pontuou. Ele ouviu as demandas dos municípios e reiterou o comprometimento do governo estadual em solidificar as parcerias, destacando sempre a necessidade de manutenção do equilíbrio fiscal. “Vocês têm em mim um aliado”, declarou. 

O prefeito de Anápolis, Roberto Naves, afirmou que o município não teria conseguido fazer nenhuma obra se não fosse o programa Goiás na Frente. Prefeito de Rubiataba, José Luiz Fernandes também agradeceu por todo o apoio que a cidade tem recebido do governo estadual. “Esse programa tem ajudado muito nossos municípios, e a expectativa é que possamos continuar com essas obras e concluí-las até o final desse ano. Essa proximidade com os secretários vai nos ajudar a dar mais celeridade para as obras”, disse ele, cuja cidade já recebeu R$ 800 mil de um total de R$ 2,5 milhões relativos a convênio com o Goiás na Frente. (*Especial para O Hoje) 

Veja Também