Prazo para tirar título de eleitor termina nesta quarta-feira

Os cartórios da capital estão com filas longas durante a manhã desta terça-feira (08). Quem perder esse prazo só poderá fazer as alterações após as eleições

Postado em: 08-05-2018 às 06h00
Por: Sheyla Sousa
Os cartórios da capital estão com filas longas durante a manhã desta terça-feira (08). Quem perder esse prazo só poderá fazer as alterações após as eleições

O prazo para tirar título de eleitor para as eleições de outubro termina nesta quarta-feira (9). Essa também é a data limite para regularizar o cadastro e requerer outros serviços à Justiça Eleitoral, como mudar o endereço do domicílio, regularizar o cadastro, incluir nome social no título e pedir atendimento especial para deficientes.

Quem perder esse prazo só poderá fazer as alterações após as eleições. O voto é obrigatório para os brasileiros a partir dos 18 anos e facultativo aos jovens de 16 e 17 anos, aos maiores de 70 anos e aos analfabetos.

Continua após a publicidade

Para obter o título de eleitor, o cidadão deve comparecer ao cartório eleitoral de sua região com documento de identidade; comprovante de residência original e recente; e certificado de quitação do serviço militar para os maiores de 18 anos do sexo masculino.

Em Goiânia, o atendimento está sendo feito na Central de Atendimento ao Eleitor, localizada na Avenida T-7 com Avenida Mutirão, 371, Edifício Comercial Lourenço Office, Setor Oeste, e nas unidades do Vapt-Vupt do Camelódromo de Campinas 2, Praça da Bíblia, Araguaia Shopping e Passeio das Águas, das 8 às 18 horas. No interior o eleitor deve procurar os cartórios eleitorais das cidades.

Senhas

O atendimento aos eleitores será feito através de senhas, por ordem de chegada, observando a capacidade diária do local de atendimento, ou seja, o atendimento será feito somente até as 18 horas, conforme informado pelo TRE. Ontem a Central de Atendimento ao Eleitor já registrava fila de pessoas na busca pelos serviços.

Para verificar se o seu título de eleitor está regular, basta preencher o nome completo e a data de nascimento diretamente na página do Tribunal Superior Eleitoral. Quem ficou mais de três eleições sem votar ou justificar sua ausência nas urnas, por exemplo, deve regularizar a situação.

O primeiro turno da eleição ocorrerá no dia 7 de outubro e o segundo turno, onde houver, no dia 28 de outubro. Quem não puder comparecer às unidades de atendimento para regularizar o título eleitoral no prazo estabelecido deverá aguardar a reabertura do cadastro que se dará após as Eleições 2018. 

Veja Também