Efeito Lula: filiações do PT disparam após pronunciamento do ex-presidente

Postado em: 11-03-2021 às 18h50
Por: Redação
O vereador Mauro Rubem, com esperança, afirmou esperar do partido a atualiza suas estratégias de luta política com os novos membros | Foto: reprodução

João Gabriel Palhares

O Partido dos Trabalhadores (PT), anunciou hoje (11/03) uma explosão no número de filiados da sigla. A média de pedidos cresceu após a anulação das condenações do ex-presidente Lula na Operação Lava Jato (08/03) e também com seu discurso coletivo ao país (10/03). Segundo as informações divulgadas, as filiações representam um salto de 828%, em comparação a média de registro das semanas anteriores.

“Esperamos que com esses novos filiados, assim como os antigos, consigamos atualizar nossas estratégias de luta política para sairmos dessa triste situação”, afirmou com esperança o vereador por Goiânia, Mauro Rubem. Para ele, a situação agora é de acolhimento e construção de diálogos e estratégias para os próximos embates. Segundo Mauro, a filiação de pessoas no partido é permanente, mesmo com os últimos ataques ao partido, conta que o PT esteve com mais inclusão de membros do que desfiliações.

Após os discursos do ex-presidente Lula e as anulações das acusações pelo STF, o crescimento no número de filiados soa como um novo passo na articulação do partido. Segundo o vereador, a população vem percebendo que a alternativa para retomar o país é se juntar ao PT e a outros partidos que são contra o projeto de Jair Bolsonaro (Sem Partido). Citando sobre pontos levantados por Lula em relação ao governo Bolsonaro, o vereador finaliza. “O caminho não é o da milícia, é o da organização democrática e política organizada”.

Nas redes sociais do PT também houve um grande aumento nos últimos dias. Segundo o site do partido, os números começaram a crescer na manhã do Dia Internacional das Mulheres e prosseguiu, também, até o pronunciamento coletivo de Lula. 

Compartilhe: