Vereador pede abertura de CPI contra prefeito em Senador Canedo

Postado em: 22-04-2021 às 11h20
Parlamentar alega que recebeu documentos que comprovam um super faturamento na aquisição de medicamentos pela Secretaria de Saúde da cidade. | Foto: Reprodução

Pedro Jordan

Durante a sessão plenária de
Senador Canedo desta quinta, 22, o vereador Reinaldo Alves (DEM), pediu a
abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), contra o prefeito Fernando Pellozo (PSD), para investigar um possível
crime de super faturamento na compra de medicamentos pela Secretaria de Saúde da cidade.

Reinaldo alega que recebeu copias
de documentos que comprovam que existem preços pagos nos remédios muito acima
do praticado. “Ontem tomei conhecimento de fatos que acontecem na secretaria da
saúde, envolvendo compra de medicamentos na nossa secretaria de saúde.”, cita.

O vereador salienta que em um momento
de pandemia é preocupante que este tipo de situação aconteça. Ele comenta que
os vereadores Leonardo Assunção (PL), Celismar Lima (PROS), Sérgio Bravo Jr.
(PL) e Welma Lira (Patriota) assinaram o pedido de abertura da CPI. “Com as
documentações que chegaram até as nossas mãos poderemos investigar as
irregularidades que foram cometidas por aqueles que não têm compromisso com
Senador Canedo”, reforça.

Ele comenta que chegou a saber
que um medicamento específico que tem valor médio de quase 50 reais chegou a
ser pago 500 reais por ele, ou seja, 1000% acima do preço de mercado. “Enquanto
o povo passa necessidade, um agente público que tem a missão de fazer o
dinheiro do povo o salvar, faz desvio de verbas, não podemos ficar omissos
sobre essa questão”.

 

Por: Pedro Jordan
Compartilhe: