ONG goiana seleciona estudantes de baixa renda e alta performance para incentivo educacional no ensino médio

Postado em: 25-07-2021 às 09h39
Por: Victoria Lacerda
Inscrições para seleção da ONG Instituto Ser Tão Grande são gratuitas e devem ser feitas, exclusivamente, pelo site www.institutosertaogrande.org | Foto: Assessoria do Instituto Ser Tão Grande

Estudantes da rede pública que cursam o 9º ano do ensino fundamental em Goiás podem se inscrever para a seleção do Instituto Ser Tão Grande. As inscrições estão abertas, são gratuitas e seguem até o dia 1º de setembro.

Os jovens talentos selecionados terão acesso a bolsa educacional multidisciplinar até o ingresso na universidade, além de inserção em programas de desenvolvimento pessoal e orientação profissional.

Os novos integrantes do Ser Tão Grande podem escolher se desejam concluir o ensino médio na escola pública ou se preferem ingressar no ensino privado por meio de uma das bolsas de estudo integrais disponíveis.

Caso faça a opção pela continuidade dos estudos na rede pública, o aluno terá acesso ao curso de inglês, à Plataforma Descomplica, à Plataforma de Redação, além da mentoria, simulados e orientação de estudo. Aqueles que optarem pela bolsa em escola privada também vão contar com os mesmos benefícios. Esta será a terceira seleção realizada pelo instituto.

Mais do que proporcionar um ensino de qualidade, o Ser Tão Grande busca desenvolver potencialidades. “Nós queremos impactar a educação como um todo, trazer educação de qualidade para jovens de alto potencial acadêmico. Apoiamos os jovens com diversas bolsas em várias escolas particulares, escolas de inglês e a mentoria com profissionais super bem sucedidos que ajudam o aluno nessa caminhada do autoconhecimento. Acredito que através da educação podemos mudar a realidade do estado e até do país”, diz Ismael Cavalcanti, fundador do instituto.

Como se inscrever

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas exclusivamente pelo site www.institutosertaogrande.org. Podem participar do processo seletivo alunos que estudem em escolas públicas de Goiás (capital ou interior) que tenham de 12 e 15 anos de idade, comprovadamente de baixa renda e apresentem alta performance escolar, bem como a vontade de construir um mundo mais igualitário.  

Seleção

O processo seletivo tem cinco etapas. Serão levados em consideração critérios como desempenho acadêmico, socioeconômico e de habilidades socioemocionais que devem ser cumpridas em cada etapa específica. O estudante precisa cadastrar-se no site a partir de 14 de junho, passar por teste on-line, entrevista online, prova presencial e entrevista presencial, juntamente com a família.

Atuação

O Instituto Ser Tão Grande (ISTG) oferece a todos seus jovens selecionados mentorias interdisciplinares até o ingresso na universidade. Este benefício pode ser atrelado a duas frentes de atuação de acordo com a vontade ou realidade do aluno.

A primeira é o financiamento integral do ensino médio nas escolas particulares parceiras do ISTG em Goiânia. Ou, para aqueles alunos que queiram continuar na escola pública, o financiamento de cursos de reforço no contraturno de acordo também com a aptidão e objetivos do aluno, se necessário. Todos os estudantes terão acesso a aulas de inglês, redação, Plataforma Descomplica e mentorias.

Jovens talentos

Este será o terceiro processo seletivo realizado pelo Instituto Ser Tão Grande. Em 2019, quando o instituto realizou a primeira seleção, sete estudantes da rede pública de ensino foram aprovados em todas as etapas do processo e selecionados para ingressar no programa. Em 2020, 12 alunos ingressaram no programa.  

O Instituto

O Instituto Ser Tão Grande, entidade privada sem fins lucrativos, nasceu da ideia de dois jovens goianos que acreditam haver muitos talentos e potencialidades que estão se perdendo pelo caminho por falta de oportunidade. “Sabe-se que 90% da nota do Enem é influenciada por fatores econômicos e culturais. Muitas oportunidades no Brasil e em Goiás nascem no berço, por pura seleção biológica aleatória. Nós queremos quebrar esse ciclo”, explica Ismael Cavalcante, um dos fundadores do instituto.

A iniciativa é financiada por doadores que, por acreditarem no poder transformador da educação, querem investir em jovens talentos. O valor arrecadado é 100% revertido em financiamento de estudo para os alunos selecionados.

Ao entrar para o programa, o jovem tem os três anos do ensino médio garantidos em escolas particulares ou, caso opte por continuar na escola pública, terá acesso a cursos de reforço no contra turno, além de aulas de inglês.

Compartilhe: