Nota Fiscal Goiana realiza primeiro sorteio e divulga os 158 vencedores

Postado em: 22-06-2021 às 18h06
Por: Redação
Outra novidade, Time Goiano do Coração vai gerar R$ 3 milhões neste ano e R$ 4 milhões nos demais em benefício financeiro às equipes da primeira divisão do Campeonato Goiano de Futebol | Foto: reprodução

O programa Nota Fiscal Goiana revelou nesta terça-feira (22/6), no Palácio das Esmeraldas, os primeiros contemplados de 2021. A ação conta, atualmente, com mais de 687.150 mil consumidores cadastrados. Mais de 3,8 milhões de bilhetes participaram deste sorteio de junho, conduzido pelo subsecretário da Receita Estadual, Aubirlan Borges, e pelo coordenador do programa, Leonardo Vieira de Paula.

A lista dos 158 contemplados está disponível no site do programa. Entre os sorteados, estão contribuintes de Goiânia, Goianésia, Rio Verde, Luziânia, Uruana, Valparaíso de Goiás, Itumbiara, Santo Antônio do Descoberto, Hortolândia, Itaberaí, Catalão, entre outros. Os sorteios são realizados mensalmente de forma eletrônica. O próximo está previsto o próximo dia 29. No total, serão 158 prêmios em dinheiro, sendo um de R$ 50 mil; três de R$ 10 mil; quatro de R$ 5 mil; 50 de R$ 1 mil e 100 prêmios de R$ 500.

A iniciativa é uma forma de incentivar a exigência do comprovante da compra e, como consequência, diminuir a sonegação de impostos e aumentar a arrecadação do Estado. Podem concorrer aos prêmios os inscritos e que pedem a inserção do CPF na nota fiscal. Um bilhete é gerado a cada R$ 100 em compras.

“É uma ação que vai incentivar a cultura de pegarmos a nota fiscal na hora da aquisição. É uma ferramenta para divulgar a importância social do tributo, uma vez que o imposto gera políticas públicas”, disse a secretária da Economia, Cristiane Schmidt.

Outra novidade apresentada durante o evento foi o lançamento do Time Goiano do Coração. Trata-se de um benefício financeiro aos times da primeira divisão do Campeonato Goiano de Futebol. “Nada melhor àquele que veste a camisa do time. Que vista também a camisa do Estado de Goiás”, frisou o governador Ronaldo Caiado. Na solenidade, ele recebeu camisas da Associação Atlética Aparecidense (AAA), Goianésia Esporte Clube (GEC) e Grêmio Esportivo Anápolis (GEA), campeão goiano de 2021.

Presidente da Federação Goiana de Futebol (FGF), André Pitta salientou que muitos clubes enfrentam o segundo ano consecutivo de dificuldades, em função da pandemia de Covid-19. Para este ano, os clubes devem receber R$ 3 milhões, e nos demais, R$ 4 milhões, em recursos financeiros. “É uma mão importante que o governo estende neste momento”, reconheceu Pitta. “Sem público no estádio, essa ajuda é providencial. Tenho certeza que vamos aumentar a arrecadação, porque os torcedores querem ajudar seu time de coração”, observou o deputado estadual Vinícius Cerqueira.

O torcedor ainda não cadastrado na Nota Fiscal Goiana poderá aderir à iniciativa pela internet. Além de concorrer a prêmios ao pedir o CPF na nota fiscal, o participante poderá indicar o time do coração no site da economia e ajudá-lo a ganhar prêmios. “Vamos ter uma briga, assim como no futebol, para ver qual time terá maior competição na nota fiscal. Se mais torcedores tiverem seus consumos, esta representatividade vai resultar em grande premiação aos times”, comentou o secretário de Esporte e Lazer, Henderson Rodrigues.

No caso do programa esportivo, serão quatro premiações anuais para os 12 times que fazem parte da elite do futebol goiano. Será destinado R$ 1 milhão a cada premiação. Deste montante, R$ 240 mil são divididos igualmente entre os 12 times; R$ 560 mil são distribuídos proporcionalmente, conforme a média de bilhetes gerados pelos torcedores; e R$ 200 mil por meio de sorteio. Neste ano haverá, excepcionalmente, três premiações. A primeira ocorreu nesta terça-feira. O vencedor foi a equipe do Jaraguá. Ainda estão previstas outras duas, sendo uma em setembro e outra em dezembro.

Compartilhe: