PCGO indicia 8 pessoas por corpo encontrado em matagal de Goiânia

Postado em: 09-09-2021 às 12h59
Por: Nielton Soares
A vítima estava enterrada e foi encontrada por raizeiros próximo ao Residencial Nova Aurora. O crime teria ocorrido em abril do ano passado | Foto: PCGO

A Polícia Civil de Goiás (PCGO), por meio da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH), prendeu quatro suspeitos de terem torturado, matado e enterrado um homem por desavenças envolvendo tráfico de drogas e vingança.

De acordo com as investigações, a vítima foi atraída para o local, torturada por cerca de 5 horas até ser morta e depois enterrada na mata próximo ao Residencial Nova Aurora, em Goiânia.

O corpo, identificado como de Fábio Dias, de 35 anos, apenas foi encontrado no dia 14 de abril do ano passado, por raizeiros, que estava fazendo coleta de ervas e raízes. A polícia estima que o crime tenha ocorrido dez dias antes.

A PCGO informou que foi comprovada a participação dos quatro suspeitos e, assim, foi feito o pedido de prisão temporária deles, e cumprido na última sexta-feira (03/09), que devem responder por homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver.

Ao todo, oito pessoas foram investigadas, entre executores e mandantes do crime. Dois deles são menores e quatro permanecem presos. Um tem 24 anos e foi preso no Parque Oeste Industrial; outro de 23 anos, preso no Carolina Parque; e dois, um jovem de 19 e outro de 22 anos foram presos nos mês passado.

Compartilhe: