Helicóptero reforça controle de incêndio na Chapada dos Veadeiros

Postado em: 14-09-2021 às 12h44
Por: Nielton Soares
Força-tarefa já conta com mais de 150 profissionais, dentre bombeiros, brigadistas do ICMBio e do Prevfogo, além de voluntários | Foto: CBMGO

Com o incêndio já atingindo uma área equivalente a oito mil campos de futebol na Chapada dos Veadeiros, em Alto Paraíso de Goiás, a força-tarefa passa a contar com mais um helicóptero para conter as chamas, a partir desta terça-feira (14/09).

Com isso, serão três aeronaves atuando na região. As chamas começaram no último domingo (12/09) e já consumiram uma área de oito mil hectares, segundo os bombeiros. Ao todo, a força-tarefa conta com mais de 150 profissionais.

O efetivo inclui 65 bombeiros militares de Goiás, especialistas em combate a incêndio, 75 servidores do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), nove brigadistas do Centro Nacional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais (Prevfogo/Ibama), de Cavalcante, além de dezenas de voluntários da região.

Vale da Lua

O coordenador da força-tarefa, capitão do CBMGO Luiz Antônio Dias Araújo, afirmou nesta terça que os esforços estão concentrados na região da Serra do Segredo e em uma faixa entre o Vale da Lua e o Parque Estadual Águas do Paraíso. “A maior preocupação agora é a preservação de casas, da pecuária, principalmente na região da Cachoeira do Segredo, que tem um adensamento demográfico maior”, informou.

Além das aeronaves, o combate ao incêndio é realizado em diversas frentes, com a utilização de sopradores, abafadores, bombas costais e ferramentas de sapa, usadas para o manuseio da terra (enxada, picareta, gadanho, rastelo).

Compartilhe: