Número de telefone citado por Gusttavo Lima em música já causou queixas em 5 estados

Postado em: 02-06-2022 às 07h40
Por: Luan Monteiro
Cantor foi acionado em tribunais de Roraima, São Paulo e Mato Grosso do Sul por mencionar um número de celular na música "Bloqueado". | Foto: Reprodução

O número de telefone citado por Gusttavo Lima no hit “Bloqueado” já causou queixas em ao menos cinco estados. O cantor foi processado em Roraima, São Paulo e Mato Grosso do Sul, além de pessoas de Goiás e Paraná que dizem ter sido prejudicados pela música de Gusttavo.

“Eu sei que não posso ligar pra quem já me esqueceu. Coração prometeu nunca mais recair só que agora perdeu, está sem dignidade. Me bateu uma saudade daquelas que o coração arde, 9xxx-xxxx [número de celular]. Olha eu recaindo outra vez”, diz a letra.

A música, lançada em 2021, traz um número de telefone mas sem citar o código de Discagem Direta à Distância Direta (DDD). O que fez com que pessoas com o mesmo celular, mas com diferentes DDD’s, recebessem ligações e mensagens de fãs do sertanejo.

Um dos assuntos mais comentados na última quarta-feira (1º/6) foi o processo iniciado por um servidor público que mora em Boa Vista. O homem de 49 anos pede indenização de R$ 48,4 mil por danos morais ao cantor. O cantor também está sendo processado em São Paulo e Mato Grosso do Sul.

Já no Paraná, a divulgação do número causou transtornos a usuários. Em janeiro, a supervisora de compras Maria Aparecida Domingos, de 61 anos, relatou que recebia de 300 a 400 ligações por dia, além de mensagens e áudios, ela mora no Paraná.

Em Goiás, o número pertencia a Carlos Henrique Faria que afirmou receber milhares de ligações e mensagens por dia. Com a situação ele decidiu não fazer mais uso pessoal do número e passou a responder às mensagens dos fãs de Gusttavo Lima com pedidos de doações para projetos sociais.

Compartilhe: