Idosa vítima de golpe diz que Sabine Boghici ameaçou esfaqueá-la no pescoço e na barriga

Segundo a viúva, Sabine levava para casa cachorros que encontrava na rua para soltá-los a fim de que atacassem as visitas

Postado em: 12-08-2022 às 10h12
Por: Mariana Fernandes
A filha também havia cortado todos os fios de telefone fixo da casa | Foto: Reprodução

Em depoimento à polícia, a viúva de Jean Boghici (vítima de um golpe milionário), afirmou que a filha Sabine Boghici, ameaçou esfaqueá-la no pescoço e na barriga quando já estava isolada em casa. Sabine, a namorada, Rosa Stanesco Nicolau, o filho e a prima de Rosa, foram presos nesta quarta-feira (10).

Nesta quinta (11), o delegado Gilberto Ribeiro, titular da Delegacia Especial de Atendimento à Pessoa da Terceira Idade, já havia citado uma suposta conversa entre Sabine e Rosa, que se apresentava como ”Valéria de Oxóssi” e se dizia vidente. “Mata essa velha!”, ordenou Rosa mais de uma vez, enquanto Sabine mantinha uma faca no pescoço da mãe. Na ligação de áudio, Sabine afirmava que iria matá-la para ficar com todos os bens da mãe.

Ameaças e cárcere privado

Segundo a viúva, Sabine levava para casa cachorros que encontrava na rua para soltá-los a fim de que atacassem as visitas. Para a polícia, essa era uma das etapas do golpe de cárcere privado. A filha também havia cortado todos os fios de telefone fixo da casa. 

Continua após a publicidade

A idosa conta no relato, que desde a adolescência, Sabine teve problemas psicológicos graves e nunca trabalhou. Desde mais nova, já recebia da mãe uma mesada de R $10 mil, além de um cartão de crédito. 

Investigações

Antes, as falsas videntes e Sabine já tinham convencido a idosa a pagar R$ 5 milhões para “trabalhos espirituais”, alegando “um mal incurável” na filha.Também foram retirados quadros e joias da casa, a fim de serem ”benzidos”. 

Entendo o caso: Filha é presa após aplicar golpe de R$ 735 milhões contra mãe

Para fugir, a mãe de Sabine utilizou uma chave reserva. Mandou trocar os segredos das portas e proibiu a entrada de Sabine, de Rosa e de pessoas não autorizadas. A Polícia Civil também afirmou que Sabine Boghici e uma família de Stanescos participaram do golpe que deu um prejuízo de R$ 725 milhões à viúva.

Segundo as investigações, Sabine havia contratado pessoas para se passar por ”videntes” para convencer a mãe de suas mentiras. 

Veja Também