Ursa fica ‘chapada’ após ingerir mel alucinógeno na Turquia; veja

Assim como aconteceu com a ursa, consumir o mel em grandes quantidades pode ocasionar uma queda na pressão arterial a níveis potencialmente perigosos

Postado em: 16-08-2022 às 18h54
Por: Ana Bárbara Quêtto
Assim como aconteceu com a ursa, consumir o mel em grandes quantidades pode ocasionar uma queda na pressão arterial a níveis potencialmente perigosos | Foto: Reprodução

Uma ursa filhote teve que ser resgatada de um parque nacional na Turquia, após ingerir grande quantidade de um mel alucinógeno. A intoxicação ocorreu na última quinta-feira (11/8), na província de Duzce, no noroeste da Turquia.

A substância, mais conhecida como “mel louco”, ou “deli bal” em turco, é produzida de forma legal e comercializada na área de Kaçkar, que fica acima do Mar Negro.

No lugar, localizado no leste da Turquia, uma espécie de planta arbustiva floresce, chamada de rododendro, que produz uma poderosa neurotoxina com o nome de grayanotoxina.

Continua após a publicidade

Leia também: Casal de namoradas realizam teste de DNA após suspeitarem serem irmãs

O resgate do animal foi registrado pelo Ministério da Agricultura turco. Veja:

O consumo do mel louco

Assim como aconteceu com a bebê ursa, consumir o mel em grandes quantidades pode ocasionar uma queda na pressão arterial a níveis potencialmente perigosos, além de pode provocar náuseas, desmaios, convulsões, arritmia e, em casos raros, a morte.

No entanto, como pode ser visto no vídeo, a ursinha foi resgatada e examinada por um médico veterinário. Ela foi tratada e se encontra em boas condições, segundo autoridades turcas.

Veja Também