Terça-feira, 14 de julho de 2020
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Esporte

Decreto proíbe realização de treinos de futebol em Goiânia por 14 dias

Postado em: 30-06-2020 às 18h02
Atlético Goianiense foi a primeira equipe na capital goiana a retornar aos treinos, no dia 1º de junho - Foto: Paulo Marcos/ACG

Felipe André

Seguindo as orientações do governador Ronaldo Caiado (DEM), o prefeito de Goiânia, Iris Rezende (MDB) proibiu a realização dos treinos, das equipes goianas, pelos próximos 14 dias. A autorização municipal havia partido do próprio Iris, que permitiu ao Atlético, Goiânia, Goiás e Vila Nova retomassem as atividades desde o dia 1º de junho. O novo sistema de escalonamento em que fecha as atividades não essenciais por 14 dias e libera por 14 dias entra em vigor hoje, dia 1º de julho.

No novo decreto, publicado ontem pela prefeitura de Goiânia, foi revogado o decreto nº 1.113, que foi justamente o que autorizou o retorno aos treinos na capital goiana. O Atlético Goianiense foi o primeiro clube a voltar as atividades e seguido por Goiás, Vila Nova e o Goiânia, que já planejam continuar as atividades, mas desta vez em Aparecida de Goiânia.

Com a sinalização da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) que a Série A vai ser iniciado no dia nove de agosto, Atlético e Goiás não querem parar de treinar. Vila Nova e Goiânia que vão disputar respectivamente a Série C e Série D, compartilham da ideia e podem realizar um torneio quadrangular, sem a organização da Federação Goiana de Futebol (FGF), em Aparecida de Goiânia.

 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar