Segunda-feira, 22 de julho de 2024

Coluna

Acusação contra presidente é “discurso político”, aponta Vitor Hugo

Publicado por: Sheyla Sousa | Postado em: 05 de maio de 2020

O líder de Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados, Vitor
Hugo (PSL/GO), aponta que as acusações de interferência do presidente na
Polícia Federal não passam de “discurso político”, que partiu inicialmente do
ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, que já é tratado no
Palácio da Alvorada como principal adversário para a disputa em 2022. “A Lei
que trata do sistema brasileiro de inteligência define o presidente da
República como o ponto focal para onde convergem todas as informações do estado
brasileiro. Essa mesma lei e os decretos que a regulamentam não deixam dúvidas
de que a Polícia Federal faz parte deste sistema”, alega o líder bolsonarista.
Deputado baiano, eleito por Goiás e residente no entorno do Distrito Federal,
Vitor Hugo ainda garante que “o presidente, em nenhum momento, pediu relatório
de operações em curso”.

Exemplos

Vitor Hugo ainda aponta que tipo de informações devem ser
repassadas pela PF. “Ilícitos nas fronteiras e transnacionais, garimpo ilegal e
extração ilegal de madeira, além de tráfico de pessoas e de armas”, cita.

Continua após a publicidade

Demanda

Pesquisa da Universidade Federal de Goiás (UFG) indica que a
diminuição do isolamento social pode aumentar necessidade por leitos de UTI no
estado até o final de junho. Goiás pode precisar de até 11 mil leitos.

Momento

A análise foi realizada a partir de dados de isolamento
em municípios, durante o mês de abril, antes e depois da flexibilização
gradativa de atividades econômicas.

Imbróglio

Pronto há 12 dias, o primeiro Hospital de Campanha feito pelo
Governo Federal ainda não tem prazo para começar a funcionar e receber
pacientes com covid-19 em Águas Lindas de Goiás, no entorno do Distrito
Federal.

Tudo pronto?

A obra foi entregue pela empresa responsável no dia 24 de
março e, desde então, falta a transferência de gestão da união para o governo
estadual, que será responsável pela gestão. Organização Social ainda será
contratada, sem licitação.

Prazos

As obras do HCamp de
Águas Lindas foram iniciadas no dia 7 de março, com prazo de 15 para entrega. Uma
subestação de energia elétrica prevista ainda não foi construída, mas o local
já conta com geradores para iniciar o funcionamento.

Mistura

O atraso na entrega do hospital dedicado exclusivamente à
pandemia é mais um ingrediente no racha estabelecido pelo governador Ronaldo
Caiado com Bolsonaro.

Novo modelo

O setor empresarial realiza seminário virtual com a
secretária de Economia, Cristiane Schmidt, amanhã, às 10h. O setor debaterá as
novas regras para incentivos fiscais no estado definido pelo projeto ProGoiás.

CURTAS

– Caiado e secretários se reuniram ontem com representantes
dos poderes e órgãos autônomos sobre novas medidas de corte.

– Com cortes no fornecimento de água suspensos, a Saneago
registrou inadimplência de cerca de 20% em abril.

– No mês anterior, início da pandemia, o índice foi de 30%,
segundo relatou o presidente, Ricardo Soavinski.