Coluna

Lucro da Celg G&T, sob gestão de Caiado, é maior que na do PSDB

Publicado por: Venceslau Pimentel | Postado em: 19 de março de 2021

Venceslau Pimentel 

A Celg
G&T, na lista de desestatização do governo estadual, com preço mínimo de R$
1,53 bilhão, registrou, em 2019, 
lucro líquido de R$ 71,1 milhões, ou
seja, 21,4% maior que o do ano anterior, último ano da gestão do PSDB, quando o
resultado ficou em R$ 58,5 milhões. Os dados do balanço de 2019 apresentaram um
crescimento do patrimônio líquido de 8,7%, saindo de pouco mais de R$ 905
milhões em 2018, para mais de R$ 984 milhões, no ano seguinte. Informe de
balanço da companhia, presidida por Lener Jayme, diz que parte desse resultado
é 
atribuída ao trabalho da atual diretoria “eminentemente técnico, que se
concentrou em tornar a empresa mais lucrativa”. 

Batida do martelo

O leilão da Celg G&T está previsto para o dia 13 de maio. Ante, a
partir de 8 de abril será publicado oficialmente o edital. 

Consórcio 

Já está na Câmara de Goiânia o projeto do prefeito Rogério Cruz, que
autoriza o município a ratificar protocolo de intenções, firmado entre os
municípios brasileiros para a compra de vacinas contra Covid-19. 

Adesão

Mais de 1,7 mil municípios já manifestaram interesse em compra o
imunizante, que contempla mais de 125 milhões de habitantes em todo o País.
Para Goiânia, serão destinadas de 600 mil a 1 milhão de doses. 

Afipe perde área

O governador Ronaldo Caiado (DEM) decidiu revogar lei sancionada pelo
ex-governador José Eliton (PSDB), em maio de 2018, que concede área de 6,6 mil
m2, em Goiânia, à Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe), avaliado, na época,
em R$ 6,68 milhões. No local, funciona o Instituto de Artes Gustav
Ritter. 

Acusação

Lembrando que o padre Robson de Oliveira foi afastado da presidência da
Afipe (assim como do Santuário Basílica de Trindade), após ser denunciado pelo
Ministério Público de ter desviado milhões de reais da entidade. 

Mais prazo 

As medidas que facilitam a renegociação de débitos com a Fazenda Pública
Estadual, relacionadas ao ICMS, IPVA e ITCD, serão estendidas por mais 30 dias,
passando de 1º de abril para 30 de maio. A medida se faz necessária, segundo a
Secretaria da Economia, pelo recrudescimento da pandemia. 

Conselheiro

Servidor efetivo do Ministério da Economia, cedido, até 2019, ao
Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), Marcelo Nunes de Oliveira
vai compor o Conselho Regulador da Agência Goiana de Regulação, Controle e
Fiscalização de Serviços Públicos (AGR). 

Devolução

Condenado por improbidade administrativa, o ex-presidente da Câmara de
Bela Vista, Eliézer Divino Fernandes, vai ter que cumprir sentença. É o que
requereu o Ministério Público, para que seja ressarcido ao erário R$ 77,7
mil. 

CURTAS 

Os deputados voltam ao trabalho na
segunda-feira, com sessão marcada para as 10 horas. Na pauta, matérias do
Governo e de parlamentares. 

Nesta sexta-feira, Ronaldo Caiado e
a secretária de Desenvolvimento Social, Lúcia Vânia, anunciam o repasse de R$
28 milhões para ações da pasta.

Compartilhe: