Barreiras de captação de água são encontradas no Rio Bacalhau, interior de Goiás

Esta barragem, composta com algumas mangueiras para captação da água, gerou a mortalidade de peixes por falta de oxigenação hídrica

Postado em: 05-08-2022 às 11h37
Por: Alexandre Paes
Por se tratar de um rio perene, de suma importância para a conservação ambiental, foi feita a desobstrução dessas barragens de captação ilegal da água | Foto: Divulgação

E os agentes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), encontraram uma barragem nesta sexta-feira (5), abaixo da área de nascente do Rio Bacalhau, na cidade de Goiás. A operação aconteceu após a Semma receber denúncias anônimas no último mês, devido a mortalidade de peixes na região. Por se tratar de um rio perene, de suma importância para a conservação ambiental, foi feita a desobstrução dessas barragens de captação ilegal da água.

Esta barragem, composta com algumas mangueiras para captação da água, gerou a mortalidade de peixes por falta de oxigenação hídrica. Anteriormente à barragem, foi percebido o curso normal do rio e, após a barragem, não, devido à interrupção. A equipe se dividiu a averiguação do leito do rio no local, buscando evidências, encontrando as captações. A SEMMA realizou a desobstrução do rio, verificando a continuidade natural do rio.

A proposta da Prefeitura para SANEAGO é para que a empresa reduza a captação de água no Rio Bacalhau dentro dos períodos críticos para que obtenha-se o retorno e segurança hídrica do córrego, visto a necessidade de possuir água corrente o ano inteiro.

Continua após a publicidade

A operação tem projeção de continuidade dentro de todo o curso do Rio Bacalhau, realizando assim a educação ambiental e conservação, precisando também da contribuição da população para que o uso da água seja consciente. Na pós-operação, a equipe está dando continuidade aos trabalhos administrativos.

Veja Também