Black Friday: saiba como preparar seu varejo e e-commerce para a data comercial

Entender os dados e a demanda da concorrência, estruturar uma logística eficiente para a entrega e investir no estoque para a ocasião, podem fazer as vendas crescerem

Postado em: 21-09-2022 às 09h29
Por: Vitória Coimbra
A fim de ajudar os vendedores na melhor preparação para a data, existem plataformas que podem turbinar ainda mais as vendas | Foto: Reprodução

A Black Friday, que está prevista para acontecer no dia 25 de novembro deste ano, é uma das datas comerciais mais importantes para os setores de varejo e e-commerce no Brasil. Para se ter ideia, em 2021, foram mais de 6,1 milhões de pedidos até as 20h, segundo monitoramento de uma empresa especializada em dados de vendas virtuais. O faturamento do e-commerce, por sua vez, atingiu a marca dos R$4,3 bilhões registrado em 2020.

“Muito além de uma loja virtual, é preciso que os marketplaces estejam capacitados para receber o montante de acessos, guiar os consumidores durante a compra, passar segurança e gerar um acompanhamento de pós-venda que satisfaça as expectativas criadas para a época. Ter um e-commerce preparado para receber as altas demandas de uma data como a Black Friday, ao mesmo tempo que oferece boas experiências”, afirma JB Queiroz, CEO e Sócio-Executivo de uma empresa especializada em outsourcing e soluções personalizadas para transformação digital.

A fim de ajudar os vendedores na melhor preparação para a data, existem plataformas que podem turbinar ainda mais as vendas, e isso vale para melhor entendimento dos dados de demanda e concorrência, estrutura da logística para entrega de produtos, reposicionar o estoque e até mesmo garantir automatização de processos. Veja abaixo algumas dicas:

Continua após a publicidade

Foto: Reprodução

Entenda os dados de demanda 

Tenha em mãos o histórico anterior da Black Friday ou alguma data semelhante de vendas, assim será possível identificar os produtos mais buscados, os itens que obtiveram mais sucesso, a tendência do momento e outras informações que vão te auxiliar a programar a data.

Invista no estoque

Garantir a variedade e o estoque abastecido é fundamental para o varejista que busca aumentar a receita durante a Black Friday, afinal é a venda em escala que garante margens mais lucrativas associadas a melhores preços ao consumidor final. Para as indústrias e distribuidores, a data também traz boas oportunidades já que o varejo precisa se precaver e investir no aumento do mix de produtos, garantindo assim a satisfação do seu consumidor com produtos e promoções atrativas.

Determine uma estratégia de vendas específica

A data atrai muitos visitantes para sua loja de uma só vez. E é por isso que é necessário contar com uma loja virtual com uma estrutura firme e consolidada. Proporcionar uma boa experiência para o cliente é importante para a primeira impressão e faz com que a loja venda mais.

Invista em vitrines digitais

As vitrines digitais são o contato inicial quando a marca quer se comunicar com o cliente e isso pode gerar 60% de aumento médio de vendas.  Além de entregar as informações úteis sobre os benefícios e diferenciais dos produtos conforme as necessidades, elas conseguem entender o comportamento e o hábito do consumidor. De acordo com a navegação é gerado um mapa de calor que disponibiliza dados sobre o que está acontecendo com a vitrine dentro dos e-commerces, o que é decisivo para futuras estratégias.

Encante seu cliente 

Em um mercado altamente competitivo, além de conquistar novos clientes, é fundamental manter – e expandir – a base. Com isso, é importante fazer uma gestão baseada em dados, principalmente na Black Friday, a favor da experiência e do sucesso de cada um deles e, claro, do crescimento da empresa. Outra forma de encantar os clientes é oferecendo promoções digitais. Com as estratégias do mercado de cupons digitais, é possível atingir os consumidores certos, além de conquistar ou manter clientes, oferecendo valor e recompensando a fidelidade. De acordo com Nara Iachan, fundadora da Cuponeria, algo fundamental em épocas com a Black Friday é alcançar os compradores onde quer que eles estejam e isso pode ser feito configurando promoções com base nas necessidades da marca.  

Veja Também