Terça-feira, 20 de fevereiro de 2024

Os Vários Brasis – As Belas Faces de um Povo

Acontece em Goiás a 13ª edição do FLIPIRI, evento de projeção nacional que movimenta Pirenópolis com atividades literárias e culturais abertas ao público

Postado em: 06-12-2023 às 10h00
Por: Letícia Renata
Imagem Ilustrando a Notícia: Os Vários Brasis – As Belas Faces de um Povo
Uma programação estimulante composta por palestras, lançamentos de livros, sessões de autógrafos, encontros com escritores, apresentações musicais e teatrais, debates, exposição, caminhada poética, livraria, saraus, oficinas e encontro de ilustradores | Foto: Divulgação

O prazer da leitura, a descoberta de novos mundos e a aventura do conhecimento inspiram a 13ª edição da Festa Literária de Pirenópolis (FLIPIRI). A partir desta quarta-feira (6) até o dia 9 de dezembro são esperadas cerca de 5 mil pessoas para desfrutar de uma programação estimulante composta por palestras, lançamentos de livros, sessões de autógrafos, encontros com escritores, apresentações musicais e teatrais, debates, exposição, caminhada poética, livraria, saraus, oficinas e encontro de ilustradores. Tudo isso em meio à encantadora cidade goiana, de forma gratuita..

O evento chama atenção pela capacidade de convergir abrangência com a valorização de suas origens, com curadoria de Maurício Melo Júnior, se destaca tanto na reflexão suscitada pelo tema ‘Os Vários Brasis — As Belas Faces de um Povo’ e como na instituição homenageada, a Academia Pirenopolina de Letras, Artes e Música (Aplam), entidade voltada para a salvaguarda da cultura e valorização dos talentos artísticos ligados à Pirenópolis. 

“A FLIPIRI se consolida como um tradicional destino literário do país, sediada em Goiás, estado que contribuiu para o rol de grandes escritores brasileiros como Bernardo Élis, Cora Coralina e José J. Veiga, todos já celebrados em edições passadas. Estamos felizes com o caminho que trilhamos, pois ao mesmo tempo em que alcançamos relevância nacional, mantemos o compromisso com a comunidade local, sobretudo a educacional”, explica Iris Borges, escritora, idealizadora, coordenadora- geral da FLIPIRI e vice-presidente do Instituto Cultural Casa de Autores (DF).

Continua após a publicidade

Na base do projeto idealizado por Iris Borges, está a FLIPIRI Itinerante, que fomenta o hábito da leitura com doação de livros e ações com a rede pública de ensino. “A educação de qualidade é processual e feita ao longo da vida, portanto, deve ser buscada desde a primeira infância. Nesse sentido, as experiências leitoras atuam significativamente na construção de bases sólidas para fortalecer o que as crianças já são e para impulsioná-las quanto ao que elas desejam seguir se tornando. Assim, a leitura é essencial para a ampliação do conhecimento de mundo e dos sonhos, abrindo espaços para a imaginação, assim como para o desenvolvimento cognitivo e emocional em todas as áreas da vida. A leitura é uma das bases mais importantes para que toda criança se torne, também, uma escritora”, defende a secretária de Educação de Goiás, Fátima Gavioli.

A experiência vivida em Pirenópolis, de tão bem-sucedida, inspira. “Ao reconhecer a importância da renomada FLIPIRI, o Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado da Educação, empenhou-se para resgatá-la e torná-la realidade em outros municípios goianos, com a criação da Festa Literária Itinerante, uma ação conjunta da Casa de Autores, Governo de Goiás e Prefeituras. A primeira Festa Literária Itinerante, a FLIQUIRI, realizada no ano de 2021, na cidade de Quirinópolis, abre portas para que outras festas itinerantes brotem em solo goiano”, reforça a Secretária que estará presente ao evento, inclusive como palestrante.

Cenário

Assim como o conteúdo, uma das características que faz da FLIPIRI uma experiência tão agradável é a própria cidade. A programação cultural se concentrará no Centro Histórico e, além da Escola Estadual Comendador Joaquim Alves, destaca dois aparelhos emblemáticos da cultura goiana: o Teatro Sebastião Pompêo de Pina e o Cine Teatro Pireneus. Entre uma atividade e outra, o cenário que combina a beleza da Serra dos Pireneus com a arquitetura colonial, encanta. Sem falar na convidativa gastronomia e nos passeios ecológicos.

O Resort Santa Bárbara também abrigará momentos importantes, como as palestras ‘A leitura em minha vida e no Estado de Goiás’, com a dra. Fátima Gavioli, secretária de Educação de Goiás, e ‘A situação do livro, da leitura e das bibliotecas públicas em nosso país’, com Jéferson Assunção, diretor do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas do Ministério da Cultura.

A FLIPIRI ainda promove o encontro da literatura com a música. A Secretaria de Cultura produziu um interessante Festival que movimenta o centenário teatro, recentemente restaurado e equipado de forma a contemplar a acessibilidade. Serão dois dias para apreciar a qualidade e tradição das Bandas de Música de Pirenópolis, Corumbá, Cocalzinho, Jaraguá e Goianésia, ressaltando o quanto essa manifestação cultural segue forte no interior de Goiás. A programação completa pode ser conferida no site.

Veja Também