Quinta-feira, 29 de fevereiro de 2024

Cachorro mais velho do mundo morre aos 31 anos

Registros veterinários que a família guardou desde da época em que o cão era apenas um filho foram usados para comprovar a idade de Bobi

Postado em: 23-10-2023 às 12h18
Por: Rondineli Alves de Brito
Imagem Ilustrando a Notícia: Cachorro mais velho do mundo morre aos 31 anos
Registros veterinários que a família guardou desde da época em que o cão era apenas um filho foram usados para comprovar a idade de Bobi | Foto: Reprodução

Faleceu neste domingo (22/10), aos 31 anos, Bobi, o cachorro mais velho do mundo segundo o Guinness World Records. O cão estava hospitalizado há alguns dias e chegou a passar por tratamentos, mas não resistiu. A informação foi confirmada pelo jornal português SIC. 

Bobi, como era chamado, nasceu em maio de 1992 e vivia seus dias na aldeia rural de Conqueiros, na cidade de Leiria, em Portugal. No mês de fevereiro, após completar 30 anos e 266 dias, o marrom e peludo foi anunciado pelo Guinness World Record como o cachorro mais velho do mundo.

O tutor de Bobi, Leonel Costa, de 38 anos, contou que o cachorro era um legítimo Rafeiro do Alentejo, uma raça portuguesa que tem uma média de vida de 12 a 14 anos. Quando Leonel tinha apenas 8 anos na época, o cachorro foi adotado.

Continua após a publicidade

Na época, seus pais tinham muitos cães e Bobi nasceu de uma ninhada de outro animal. Quando o cachorro nasce, os pais de Leonel pensaram que o cachorro fosse morrer. Bobi, felizmente, escapou. A guarda do cão foi mantida em segredo por Leonel e seu irmão, até que seus pais descobriram. Foi então que eles aceitaram Bobi como membro da família.

Segundo Leonel, o segredo da longevidade do cão pode estar ligado ao fato do animal nunca ter ficado preso. “Ficam as melhores memórias de uma longa vida onde foi feliz e fez muita gente feliz, principalmente a sua família, que hoje sente que um dos seus pilares ruiu”. 

Os registros veterinários que a família guardou desde da época em que o cão era apenas um filho foram usados para comprovar a idade de Bobi. A documentação foi regularizada pelo Serviço Médico-Veterinário de Leiria e pela SIAC, uma base de dados para pets do governo português.

Veja Também