Terça-feira, 27 de fevereiro de 2024

PIB consolidado de Goiás supera média nacional em 2019, aponta estudo

O Produto Interno Bruto (PIB) consolidado de Goiás, referente ao ano de 2019, foi quase o dobro do registrado pelo Brasil. Para

Postado em: 16-11-2021 às 12h22
Por: Nielton Soares
Imagem Ilustrando a Notícia: PIB consolidado de Goiás supera média nacional em 2019, aponta estudo
Segundo Instituto Mauro Borges, com base em dados do IBGE, o Estado cresceu 2,2% no período contra 1,2% registrados no país | Foto: reprodução

O Produto Interno Bruto (PIB) consolidado de Goiás, referente ao ano de 2019, foi quase o dobro do registrado pelo Brasil. Para se ter ideia, enquanto a riqueza nacional apresentou alta média de 1,2% no período, o PIB goiano atingiu 2,2%.

Esses dados fazem parte do mais recente estudo do Instituto Mauro Borges de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (IMB). O órgão integra à Secretaria-Geral da Governadoria (SGG) e o levamento foi feito com base nos dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A pesquisa foi divulgada na última sexta-feira (12/11), apresenta a variação real e a composição setorial de toda a riqueza produzida em Goiás, que foi de R$ 7,3 bilhões. De acordo com o levantamento, até então, o estado vinha registrando queda. Em 2018, o recuo foi de 1,4%.

Continua após a publicidade

Com o resultado, Goiás passou a ocupar a 9ª posição no ranking entre os Estados brasileiros. No seguinte econômico, a indústria foi a que mais cresceu. Passou de negativo, em 2018 (-1,2%), para o positivo, em 2019 (2,9%).

“Conseguimos superar situações delicadas. Goiás estava entre os quatro piores Estados do país do ponto de vista fiscal, com colapso da máquina pública, mas nós avançamos e fomos os únicos a entrar no Regime de Recuperação Fiscal (RRF)”, afirmou o governador Ronaldo Caiado (DEM).

Segundo ele, Goiás é o Estado com maior capacidade de desafiar a crise provocada pela pandemia de Covid-19. “Somos riquíssimos, com capacidade produtiva nas nossas terras”, afirmou. Caiado lembrou, ainda, que o Produto Interno Bruto (PIB) goiano cresceu 4,4% no segundo trimestre de 2021, em comparação com o mesmo período do ano anterior, bem acima da média de outros estados”, acrescentou.

Agropecuária

Além do setor indústria, a agropecuária teve participação de 11,4% na economia goiana, apresentando crescimento em volume de 1,4%, em 2019, o representou R$ 1,271 bilhão a mais, em relação a 2018. A atividade é composta por agricultura, pecuária, produção florestal e pesca.

Veja Também