Negociações com Ricardo Soares não avançam e diretoria tenta acerto com Ricardo Chéu

Postado em: 26-01-2022 às 18h00
Por: Victor Pimenta
Atualmente, o português comanda o Estrela Amadora, sexto colocado da segunda divisão de Portugal | foto: Divulgação / Estrela Amadora

O Goiás tomou mais uma recusa em relação ao seu futuro treinador. O time que havia tentado recentemente o português Ricardo Soares, não houve acordo e a equipe esmeraldina já foca suas atenções ao também português Ricardo Chéu, que atualmente treina o Estrela Amadora, da segunda liga de Portugal.

O treinador Ricardo Soares chegou a negociar com o clube, porém, ele que atualmente comanda o Gil Vicente, vem fazendo uma boa temporada e sua equipe atualmente é a quinta colocada da Liga Portuguesa, brigando por vaga direta na Liga Europa. Assim, ele também vê propostas ainda na Europa aparecerem para ele após o fim da temporada. Outro fator que pesou na negociação foi a pedida salarial, que não agradou os dirigentes esmeraldinos.

Assim, o novo alvo do Goiás segue sendo português e trata-se de Ricardo Chéu, de 40 anos e que atualmente comanda o Estrela Amadora, atual sexto colocado da Segunda Divisão de Portugal. Ele ficou onze temporadas entre treinar categorias de base, sendo preparador físico e auxiliar até assumir seu primeiro clube como treinador, o Mirandela.

Depois treinou Académico de Viseu, Penafiel, Freamunde, União Madeira e ainda teve uma passagem pelo Rieti, da Itália e FK Senica e Spartak Trnava, da Eslováquia, antes de retornar à Portugal. Atualmente, Ricardo Chéu, de 40 anos, comanda o Estrela Amadora, sexto colocado da segunda divisão de Portugal. São dezoito jogos à frente do clube e seis vitórias.

Enquanto o treinador português não chega, o Goiás segue com Gláuber Ramos no comando e o mesmo já estreia nesta quarta-feira (26), no Campeonato Goiano, fora de casa, diante do Grêmio Anápolis, às 20h30, no estádio Jonas Duarte.

Compartilhe: